Ansumane Mané

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Ansumane Mané conhecido por Brik Brak (Gâmbia, 194030 de novembro de 2000)[1] , guerrilheiro do PAIGC, foi o Chefe da Junta Militar da Guiné-Bissau que iniciou no dia 7 de Junho de 1998 o levantamento militar que resultou na demissão do Presidente da República João Bernardo Vieira, em 7 de maio de 1999.

Este levantamento militar teve origem no descontentamento existente nas Forças Armadas da Guiné-Bissau. Como o próprio Ansumane Mané disse através da Rádio Bombolom, este levantamento foi levado a cabo, por ele e alguns militares para se proteger, pois ele havia sido na semana anterior destituído do cargo de Chefe de Estado Maior General das Forças Armadas.[carece de fontes?]

Como era costume na Guiné, a demissão de alguém poderoso sempre coincidia com uma viagem do Presidente da República, para que, na sua ausência, o indivíduo fosse morto.[carece de fontes?]

Referências

  1. MNE português confirma morte de Ansumane Mané (em português) (30 de novembro de 2000). Página visitada em 9 de abril de 2011.


Precedido por
João Bernardo Vieira
Comandante da Junta Militar
1999
Sucedido por
Malam Bacai Sanhá


Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.