Arquidiocese de Tiruvalla

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


Arquidiocese de Tiruvalla
Archidiœcesis Tiruvallensis
Localização
País Índia
Dioceses Sufragâneas Diocese de Battery
Eparquia de Muvattupuzha
Estatísticas
Área 31 500 km²
Informação
Rito oriental
Criação da Diocese 11 de junho de 1932
Elevação a Arquidiocese 15 de maio de 2006
Padroeiro São João Evangelista e Santa Teresa
Governo da Arquidiocese
Arcebispo Thomas Koorilos Chakkalapadickal
Jurisdição Arquidiocese Metropolitana
Contatos
Página Oficial www.tiruvallaarchdiocese.org

A Arquidiocese de Tiruvalla (Archidiœcesis Tiruvallensis) é uma arquidiocese oriental católica da Igreja Católica Siro-Malancar. Esta circunscrição eclesiástica está situada em Thiruvalla (Índia) e foi fruto da criação da Hierarquia Católica Siro-Malancar. Seu atual Arcebispo é Mar Thomas Koorilos Chakkalapadickal. Sua é a Catedral Saint Joseph. Possui 130 paróquias.

História[editar | editar código-fonte]

O Cristianismo chegou à Índia com São Tomé, segundo origens lendárias. Assim, surgem os Cristãos de São Tomé, que manteriam o rito oriental.

O Catolicismo chegou à região pelos missionários portugueses, em especial de São Francisco Xavier. Já no século XX, o bispo de Quilon, Luís Maria Benziger, O.C.D. reiniciou forte evangelização do povo local.

Em 1926 o Sínodo Episcopal realizado em Parumala autorizou o Monsenhor Ivanios Giorgio Tommaso Panickerveetil a entrar em negociações com a Santa Sé para uma reunião com a Igreja Católica Romana sob a condição expressa de que a antiga e venerável tradição oriental da Igreja Siro-Malancar fosse conservada e mantida intacta. O Papa Pio XI graciosamente aceitou as condições e festejou o reencontro. Assim, em 1930, foram ordenados os primeiros sacerdotes pela tradição siro-malancar.

Pela Constituição Apostólica "Christo Pastorum Principi", de 11 de junho de 1932, foi estabelecido a Hierarquia Católica Siro-Malancar, compreendendo a Eparquia de Trivandrum e a Eparquia de Tiruvalla.

Em 3 de dezembro de 2005, a diocese foi elevada a Arquidiocese pelo sínodo da Igreja Siro-Malancar, tendo a bênção e o consentimento da Santa Sé foi proclamada pelo Arcebispo-mor Mar Isaac Cleemis em 15 de maio de 2006.

Prelados[editar | editar código-fonte]

Bispos[editar | editar código-fonte]

  • Teofilo Giacomo Abramo Kalapurakal (1932 - 1950)
  • Severios Giuseppe Valakuzhyil (1950 - 1955)
  • Athanasios Cheriyan Polachirakal (1955 - 1977)
  • Isaac Youhanon Koottaplakil (1978 - 1987)
  • Geevarghese Timotheos Chundevalel (1988 - 2003)
  • Baselios Cleemis (Isaac) Thottunkal (2003 - 2006)

Arcebispos[editar | editar código-fonte]

Fontes[editar | editar código-fonte]


Small Mitre.svg Arquidioceses Católicas da Índia Bandeira da Índia
Agra | Bangalore | Bhopal | Bombaim | Calcutá | Changanacherry | Cuttack-Bhubaneswar | Deli | Ernakulam-Angamaly | Gandhinagar
Goa e Damão | Guwahati | Hyderabad | Imphal | Kottayam | Madras e Meliapore | Madurai | Nagpur | Patna | Pondicherry e Cuddalore
Raipur | Ranchi | Shillong | Thalassery | Thrissur | Thiruvananthapuram | Tiruvalla | Trivandrum | Verapoly | Visakhapatnam