Baía do Rei Haakon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes. (desde junho de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

A Baía do Rei Haakon, or Enseada do Rei Haakon, é uma angra na costa do sul da ilha da Geórgia do Sul. A angra tem aproximadamente 8 milhas (13 km) de extensão e 2.5 milhas (4.0 km) de largura.

A angra recebeu o nome do Rei Haakon VII da Noruega por Carl Anton Larsen, o fundador de Grytviken. A Baía da Rainha Maud, que recebeu o nome de sua rainha, fica perto.

A Enseada Cave, que forma parte da baía, é melhor conhecida como o local de aterrissagem de Ernest Shackleton em maio de 1916 quando procurou ajuda para sua tripulação naufragada abandonada na Antártica com a Expedição Transantártica Imperial. Também acamparam na Ribanceira Peggotty na baía.

Referências[editar | editar código-fonte]

 Este artigo incorpora material em domínio público do United States Geological Survey , documento "Baía do Rei Haakon" (conteúdo do Geographic Names Information System).

Ícone de esboço Este artigo sobre as Ilhas Geórgia do Sul e Sandwich do Sul é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.