Cílax de Carianda

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Cílax de Carianda[1] [2] (ou Cílace;[2] [3] em grego antigo: Σκύλαξ ὁ Καρυανδεύς, transl. Skýlax ho Karyandeýs) foi um explorador e marinheiro, natural da cidade de Carianda, na Cária, que viveu no século VI a.C. Foi o primeiro grego a narrar as suas explorações do ponto de vista geográfico.[4]

Entre 519 e 512 a.C. Cílax foi enviado pelo rei persa Dario I a explorar o curso do rio Indo. Cílax e os seus marinhos descenderam rio embaixo até atingirem o mar; depois navegaram pelo oceano Índico até o mar Vermelho, circunavegando a Arábia. Completaram a sua viagem em trinta meses.[5] Hecateu de Mileto menciona esta viagem.[6]

Estrabo menciona em três passagens Cílax como um "antigo escritor"[7] pelo qual é de supor que escreveu alguma obra. Foi-lhe atribuído um Período da terra e um Périplo das costas fora das colunas de Hércules do qual se conservam sete fragmentos.

O chamado Périplo de Pseudo-Cílax, do século III a.C., é uma compilação à qual foi dado este título em honra deste antigo navegante.

Referências

  1. Simões de Paula, Eurípedes. Revista de História, ed. 37-38. p. 366. Universidade de São Paulo, Departamento de História, Sociedade de Estudos Históricos, 1959.
  2. a b Machado, José Pedro. Dicionário Onomástico Etimológico da Língua Portuguesa, verbete "Cílax".
  3. Simões de Paula, Eurípedes. Marrocos e suas relações com a Ibéria na Antiguidade, ed. 4. Volume 4 do Boletim de História da Civilização. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo. Livraria Martins, 1946.
  4. Cf. Arnaldo Momigliano, Le radici classiche della storiografia moderna , p. 16.
  5. Heródoto, História IV, 44.
  6. FGrH, frs. 1 F 295 e 296.
  7. Estrabo, Geografia xii.4.8; xiii.1.4 e xiv.2.20.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]