Central de Minas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Central de Minas
Bandeira de Central de Minas
Brasão de Central de Minas
Bandeira Brasão
Hino
Fundação 1 de março de 1963
Gentílico centralense
Prefeito(a) Genil Mata da Cruz (PP)
(2013–2016)
Localização
Localização de Central de Minas
Localização de Central de Minas em Minas Gerais
Central de Minas está localizado em: Brasil
Central de Minas
Localização de Central de Minas no Brasil
18° 45' 43" S 41° 18' 21" O18° 45' 43" S 41° 18' 21" O
Unidade federativa  Minas Gerais
Mesorregião Vale do Rio Doce IBGE/2008[1]
Microrregião Mantena IBGE/2008[1]
Municípios limítrofes Mantena, Mendes Pimentel, Divino das Laranjeiras, São João do Manteninha,Conselheiro Pena, Galileia, São Geraldo do Baixio e Mantenópolis(ES).
Distância até a capital 410 km
Características geográficas
Área 203,675 km² [2]
População 6,772 hab.
Densidade 0,03 hab./km²
Clima Tropical
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,692 médio PNUD/2000[3]
PIB R$ 235 609,262 mil {{{data_pib}}}
Página oficial

Central de Minas é um município brasileiro do estado de Minas Gerais. Sua população é de aproximadamente 6.789 habitantes.

Economia[editar | editar código-fonte]

Uma parte de sua economia vem da agropecuaria, e dos habitantes que migram para outros países -principalmente EUA e Portugal- com a intenção de investir as economias nesta cidade.

História[editar | editar código-fonte]

Central de Minas nem sempre teve esse nome, o qual evoluiu com o próprio município, que na década de 40 teve os primeiro imigrantes chegando a essa terra. Segundo os historiadores mais antigos, foi Manoel Martins Dias e Francisco Rodrigues de Araujo, um dos primeiros habitantes do município, que em 1940 com sua família saíram de Juquirí e veio fixar residência nessa localidade. Sua atividade era a principal da região: a madeira de uma infusa floresta natural. Com a chegada de novos forasteiros e com a extração de madeira, exigia-se maior mão-de-obra, à medida que as árvores iam caindo, apareciam em seus lugares, casas.

Por volta de 1942, surgiam os primeiros comerciantes dentre os quais se destacam Martinho de Paula, Joaquim Deodoro Mota, Antônio Jacinto Coimbra e Paulo Queiroz Dias (sendo um dos maiores comerciantes atacadistas nesta cidade, contribuindo muito para o crescimento da mesma).

Com a construção da capela de São Geraldo, o povoado ficou conhecido como São Geraldo de Central, que pertencia ao território do distrito de Bom Jesus do Mantena, como podemos constatar no mapa municipal de Conselheiro Pena datado de 1939, passando logo a seguir para Central de Mantena, município a que era subordinado.

Em 1951, com a chegada de José Pinto Neto (Zé Regina) foi construída uma estrada para Galiléia, com a finalidade do transporte de madeira.

Em 1952 O Delegado Jose Martiriano Dias ( Piranga ) foi visitado pelo presidente da República Juscelino Kubischek

O Distrito foi criado em 12 de dezembro de 1953 pela Lei nº 1.039 e o Município em 30 de dezembro de 1962, pela Lei nº 2.764. Na data 1º de março de 1963 foi decretado feriado municipal em comemoração a instalação do município de Central de Minas de acordo com o artigo 1º da lei nº 8 de 6 de setembro de 1963.

Pela lei estadual nº 6769, de 13 de maio de 1976, é criado o distrito de Floresta.[4]

Geografia[editar | editar código-fonte]

Central de Minas, faz divisa com os seguintes municípios: ao sul com São Geraldo do Baixio, ao sudoeste com Galiléia, ao sudeste com Mantenópolis, ao leste com São João do Manteninha, ao nordeste com Mantena e ao Noroeste com Divino das Laranjeiras.

A BR-381 passa por Central de Minas, ligando o Município aos principais centros urbanos.

Vitória – ES: 330 km

Brasília – DF: 1.130 km

Governador Valadares – MG: 88,8 km

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil. Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial. Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Página visitada em 5 dez. 2010.
  3. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil. Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2000). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  4. Enciclopédia dos Municípios Brasileiros (2007). Central de Minas - Histórico. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Página visitada em 13 de julho de 2013. Cópia arquivada em 13 de julho de 2013.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Minas Gerais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.