Cinábrio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Considere utilizar {{revisão-sobre}} para associar este artigo com um WikiProjeto e colocar uma explicação mais detalhada na discussão.
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém uma ou mais fontes no fim do texto, mas nenhuma é citada no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações.
Por favor, melhore este artigo introduzindo notas de rodapé citando as fontes, inserindo-as no corpo do texto quando necessário.
Cinábrio
Cinábrio
Geral
Categoria Mineral
Fórmula química sulfeto de mercúrio II, HgS
Identificação
Cor Vermelho-amarronzado
Hábito cristalino Romboédrico a tabular. Granular a massivo
Sistema cristalino Hexagonal
Clivagem Prismático, perfeito
Fractura Irregular a subconchoidal
Escala de Mohs Dureza 2-2.5
Brilho Adamantino a fosco
Índice de refração Transparente a opaco
Pleocroísmo N/A
Risca Escarlate
Densidade 8 - 8.2
Fusibilidade  ?
Solubilidade 10−6 g por 100 ml água(1)
Principais variedades
Nenhuma

Cinábrio, cinabre ou cinabarita (sulfeto de mercúrio (II) (HgS), vermelhão nativo) é o nome usado para o sulfeto de mercúrio (II) (HgS), o minério de mercúrio comum. O nome vem do grego, usado por Teofrasto e provavelmente foi aplicado a muitas substâncias diferentes. Acreditam que a palavra vem do persa زینجیفرح (zinjifrah), originalmente significando "sangue perdido de dragão"1 .

Cinábrio foi extraído pelo Império Romano por seu conteúdo e é o principal minério de mercúrio ao longo dos séculos. Algumas minas usadas pelo romanos continuam em operação até hoje. Geralmente é encontrado como um mineral vein-filling, associado com atividade vulcânica e fontes termais alcalinas.

Cinábrio é geralmente encontrado em uma forma massiva, granular ou terrosa, é de cor vermelha viva a cor de tijolo. Entretanto, ocorre ocasionalmente em cristais com um lustre metálico adamantino. Os cristais pertencem ao sistema romboédrico (trigonal), e são geralmente de hábito romboédrico, frequentemente geminado. A geminação do cinábrio é bem distinta e forma um gêmeo de penetração que é marcado com seis arestas circundando a ponta de uma pirâmide. Pode ser interpretado como dois cristais escalaédricos que cresceram juntos, um cristal indo na direção oposta do outro cristal. A dureza do cinábrio é 2 a 2,5 e sua densidade é 8,1.

O cinábrio apresenta uma semelhança marcante com o quartzo em sua simetria e características ópticas. Como o quartzo, exibe polarização circular, e Alfred des Cloizeaux demonstrou que possui 15 vezes o poder de rotação do quartzo. Tem maior poder de refração que qualquer outro mineral conhecido, sendo o índice médio para o comprimento de onda da luz de sódio sendo de 3,08, ejnquanto o índice para o diamante—uma substância de refração considerável—é apenas de 2,42 e a do GaAs de 3,93. A dureza

O cinábrio pode estar associado ao mercúrio elementar (líquido) e, portanto, de manipulação perigosa. Em geral a temperatura do corpo humano é suficiente para vaporizar o mercúrio, que escapa da rocha em forma de gás e que pode ser absorvido pela pele.

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Wikcionário
O Wikcionário possui o verbete Cinábrio.