Deutsche Bundesbank

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Deutsche Bundesbank

Presse bundesbanklogo.png
Organização
Natureza jurídica Instituto público de regime especial
Atribuições Banco central, supervisão do sistema financeiro e desempenho de funções atribuídas ao Sistema Europeu de Bancos Centrais
Dependência Ministério Federal das Finanças da Alemanha
Chefia Jens Weidmann, Presidente
Documento institucional Comissão Executiva do Deutsche Bundesbank
Localização
Jurisdição territorial  Alemanha
Sede Frankfurt am Main
50° 08′ N 8° 39′ E
Histórico
Antecessor Bank Deutscher Länder
Criação 26 de julho de 1957
Sítio na internet
www.bundesbank.de/
Sede principal da Bundesbank em Frankfurt.

O Deutsche Bundesbank (em português, Banco Federal Alemão) é o banco central da República Federal da Alemanha e, como tal, faz parte do Sistema Europeu de Bancos Centrais (SEBC). A instituição considerada durante muito tempo a mais confiável da Alemanha perdeu sua principal função com a introdução do euro. Devido à sua força e porte, o Bundesbank é o membro mais influente do SEBC. A Deutsche Bundesbank esta localizado num edifício de concreto com 13 andares em Frankfurt do Meno.

Historia[editar | editar código-fonte]

O passado do Banco Central Alemão é glorioso. Mesmo em conflito com chefes de governo e ministros das Finanças, a instituição conseguiu impor uma política independente de juros durante décadas. Foi isso que a tornou um modelo para o Banco Central Europeu. Outro mérito do Bundesbank foi a introdução do euro como moeda corrente em 1º de janeiro de 2002. A maior operação de conversão monetária da história foi administrada com maestria logística. Empresas de transporte distribuíram, na passagem do ano, cerca de 71.500 toneladas de moedas e 2,5 bilhões de cédulas aos clientes.ref>Banco Central Alemão comemora 50 anos. dw.de. pagina visitada em 11 de Abril 2015</ref> É às vezes referido como Buba (redução de Bundesbank).[1] Seu presidente desde 2010 é Jens Weidmann.

O Bundesbank foi criada em 1957 e sucedeu o Bank Deutscher Länder, que introduziu o marco alemão em 20 de Junho de 1948. Até o euro ser fisicamente introduzido em 2002, o Deutsche Bundesbank ainda era o banco central do antigo Deutsche Mark. Era a instituição que mais contava com a confiança dos alemães. "Nem todos os alemães crêem em Deus, mas todos acreditam no Bundesbank", disse Jacques Delors, na presidência da União Européia, em 1992.[2]

O Deutsche Bundesbank foi o primeiro banco central a ter total independência, levando este tipo de banco central a ser referido como o "modelo Bundesbank ", à diferença, por exemplo, do "modelo Nova Zelândia", que tem metas estabelecidas pelo governo ( metas de inflação, por exemplo).

Ao longo da segunda metade do século XX, o Bundesbank foi muito respeitado por sua eficiência no controle da inflação. Isso fez com que o marco alemão fosse uma das moedas mais respeitados e o Bundesbank tivesse uma influência indireta substancial em muitos países europeus.

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]