Federação Malaia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
ڤرسكوتوان تنه ملايو
Persekutuan Tanah Melayu

Federação da Malásia
Flag of the Federated Malay States (1895 - 1946).svg
 
Flag of the British Straits Settlements (1874-1942).svg
 
Flag of the British Straits Settlements (1874-1942).svg
1948 – 1963 Flag of Malaysia.svg
Flag Brasão
Bandeira Brasão
Localização de Malásia
Continente Ásia
Região Sudeste da Ásia
Capital Kuala Lumpur
3° 8' N 101° 42' E
Governo Monarquia Constitucional
Yang di-Pertuan Agong Tuanku Abdul Rahman (1957-60)
Sultan Hisamuddin Alam Shah (1960)
Tuanku Syed Putra (1960-63)
História
 • 31 de Janeiro de 1948 Fundação
 • 31 de Agosto de 1957 Independência
 • 16 de Setembro de 1963 Formação da Malásia

A Federação Malaia (em malaio: Persekutuan Tanah Melayu; Jawi: ڤرسكوتوان تانه ملايو) é o nome dado a uma federação de 11 estados (nove estados malaios e dois dos Estabelecimentos dos Estreitos britânicos: Penang e Malacca) [1] , que existiu de 31 de janeiro de 1948 até 16 de setembro de 1963. A Federação tornou-se independente em 31 de agosto de 1957,[2] e em 1963 foi reconstituída como a Malásia, com a adição de Cingapura, Bornéu do Norte e Sarawak.[3] A combinação de estados que antes formavam a Federação Malaia é conhecida atualmente como Malásia Peninsular.

História[editar | editar código-fonte]

De 1946 a 1948, os 11 estados formaram uma colônia da coroa britânica conhecida como a União Malaia. Devido à oposição dos nacionalistas malaios, a União foi dissolvida e substituída pela Federação Malaia, que restaurou as posições simbólicas dos governantes dos estados malaios.

Dentro da Federação, enquanto os estados malaios eram protetorados do Reino Unido, Penang e Malaca permaneceram territórios coloniais britânicos. Como a União Malaia, anteriormente, a Federação não incluía Singapura, que antes dessa época era geralmente considerada como parte da Malásia.

A Federação alcançou a independência no âmbito da Comunidade das Nações em 31 de agosto de 1957. Em 1963, a Federação foi reconstituída como "Malásia" quando federada com os territórios britânicos de Cingapura, Sarawak, e Bornéu do Norte Britânico (que foi renomeado Sabah); uma reivindicação a este último território se manteve pelas Filipinas[4] [5] . Cingapura separou-se da Malásia para se tornar uma república independente em 9 de agosto de 1965.

Lista dos estados membros[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

United Nations Treaty Collection: No.10760: Agreement relating to Malaysia