Finding Neverland

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Finding Neverland
À Procura da Terra do Nunca (PT)
Em Busca da Terra do Nunca (BR)
 Estados Unidos
2004 •  cor •  106 min 
Direção Marc Forster
Produção Nellie Bellflower e Richard N. Gladstein
Roteiro David Magee
Elenco Kate Winslet
Johnny Depp
Julie Christie
Dustin Hoffman
Género drama biográfico
Música Jan A.P. Kaczmarek
Direção de arte Peter Russell
Efeitos especiais Double Negative
Figurino Alexandra Byrne e Mary Kelly
Edição Matt Chesse
Companhia(s) produtora(s) Film Colony
Distribuição Miramax Films / Buena Vista International / Lumière
Lançamento Estados Unidos 24 de novembro de 2004
Portugal 30 de dezembro de 2004
Brasil 4 de fevereiro de 2005
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

Finding Neverland (Em Busca da Terra do Nunca (título no Brasil) ou À Procura da Terra do Nunca (título em Portugal)) é um filme britânico-americano de 2004, um drama biográfico dirigido por Marc Forster, com roteiro baseado em peça teatral de Allan Knee.[1]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

O filme conta a história de Sir James Matthew Barrie, autor do livro Peter Pan. Segundo o filme, James Barrie estava encontrando dificuldades em escrever peças de teatro, pois suas criações não eram bem recebidas pelo público. Enquanto buscava inspiração, James conheceu uma viúva, mãe de quatro crianças, as quais ele entretinha com brincadeiras e histórias. A partir desse relacionamento, surgiu a inspiração para a sua grande obra, Peter Pan, que conquistou facilmente plateias pelo mundo.[2]

Elenco[editar | editar código-fonte]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Finding Neverland teve recepção geralmente favorável por parte da crítica especializada. Com base em 38 avaliações profissionais, alcançou uma pontuação de 67% no Metacritic.

Em avaliações favoráveis, do Premiere, Glenn Kenny disse: "Depp e Winslet em particular, são como se poderia esperar, imaculados. Eu não acho que há um outro ator vivo que pode transmitir a mistura de doçura e paixão com tanta precisão quanto Depp".

Do Charlotte Observer, Lawrence Toppman: "Johnny Depp finalmente me conquistou para apoio hudrófobo depois de "Neverland" e "Pirates of the Caribbean". Ele está mais controlado, o desempenho menos educado de sua carreira, permanecendo doce e triste ao mesmo tempo sugerindo profundezas emocionais invisíveis".

Austin Chronicle, Steve Davis: "Leva de volta a um tempo em que as pessoas - crianças, em particular - ainda criavam mundos inteiros em suas cabeças, inventavam personagens e situações tão distantes que os seus vôos de fantasia iriam levá-los".

TV Guide, Maitland McDonagh: "O filme baseia-se em evocação de gentilezas, brincadeiras de Barrie e tristezas profundamente enterradas de Depp; é difícil imaginar outro ator tão graciosamente evocar qualidades infantis de Barrie sem parecer assustador ou emocionalmente mal formado, e só os duros de coração vai sair com os olhos secos".[3]

Com índice 83% o Rotten Tomatoes publicou um consenso: "Não vai passar precisamente para quem procura precisão histórica, mas Finding Neverland é um drama quente, sincero com um charme próprio - e Johnny Depp dá um desempenho gracioso como Peter Pan criador JM Barrie".[4]

Principais prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Oscar 2005 (EUA)

  • Venceu na categoria de Melhor Trilha Sonora.
  • Indicado nas categorias de Melhor Filme, Melhor Ator (Johnny Depp), Melhor Direção de Arte, Melhor Figurino, Melhor Edição e Melhor Roteiro Adaptado.

Globo de Ouro 2005 (EUA)

  • Indicado nas categorias de Melhor Filme - Drama, Melhor Diretor, Melhor Ator - Drama (Johnny Depp), Melhor Roteiro e Melhor Trilha Sonora.

BAFTA 2005 (Reino Unido)

  • Indicado nas categorias de Melhor Filme, Melhor Diretor, Melhor Ator (Johnny Depp), Melhor Atriz (Kate Winslet), Melhor Atriz Coadjuvante (Julie Christie), Melhor Trilha Sonora, Melhor Figurino, Melhor Fotografia, Melhor Maquiagem, Melhor Desenho de Produção e Melhor Roteiro Adaptado.

Festival de Veneza 2004 (Itália)

  • Ganhou o Prêmio Lanterna Mágica.
MTV Movie Awards
  • Indicado na categoria de Melhor Revelação Masculina (Freddie Highmore).[5]

Referências

  1. Harvey Weinstein Finds a New Director for 'Finding Neverland (em inglês) NYTimes.com. Visitado em 29 de março de 2014.
  2. Finding Neverland (em português) Filmow. Visitado em 29 de março de 2014.
  3. Finding Neverland (em inglês) Metacritic. Visitado em 18 de abril de 2015.
  4. Finding Neverland (em inglês) Rotten Tomatoes. Visitado em 29 de março de 2014.
  5. Finding Neverland (em inglês) nytimes.com. Visitado em 29 de março de 2014.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]