Gouveia (Minas Gerais)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wikitext.svg
Este artigo ou seção precisa ser wikificado (desde junho de 2012).
Por favor ajude a formatar este artigo de acordo com as diretrizes estabelecidas no livro de estilo.
Município de Gouveia
Bandeira desconhecida
Brasão desconhecido
Bandeira desconhecida Brasão desconhecido
Hino
Fundação 12 de dezembro de 1953
Gentílico gouveiano[1]
Prefeito(a) Geraldo de Fátima Oliveira (Fausto) (PV)
(2013–2016)
Localização
Localização de Gouveia
Localização de Gouveia em Minas Gerais
Gouveia está localizado em: Brasil
Gouveia
Localização de Gouveia no Brasil
18° 27' 14" S 43° 44' 27" O18° 27' 14" S 43° 44' 27" O
Unidade federativa  Minas Gerais
Mesorregião Jequitinhonha IBGE/2008[2]
Microrregião Diamantina IBGE/2008[2]
Municípios limítrofes Diamantina, Datas,Conceição do Mato Dentro, Santana de Pirapama, Presidente Juscelino e Monjolos[1]
Distância até a capital 258[3] km
Características geográficas
Área 874,927 km² [4]
População 12 030 hab. Censo IBGE/2013[5]
Densidade 13,75 hab./km²
Altitude 1113,69 m
Clima Tropical de Altitude[6]  Cwb
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,735 alto PNUD 2000
PIB R$ 71 692,038 mil IBGE/2008[7]
PIB per capita R$ 6 016,96 IBGE/2008[7]
Página oficial

Gouveia é um município brasileiro do estado de Minas Gerais. Sua população estimada em 2013 era de 12.030 habitantes.

História[editar | editar código-fonte]

Quintiliano Alves Ferreira, o Barão de São Roberto.

Gouveia foi fundada por Maria Gouveia, mas só prosperou após o Barão de São Roberto chegar a cidade.

Em 7 de abril de 1841, o curato, torna-se freguesia, com a fundação da Paróquia Santo Antônio de Gouveia. Nos primeiros anos, a paróquia pertenceu ao Arcebispado primaz de Mariana; até que no ano de 1854, foi desmembrada para o recém criado Bispado de Diamantina.

A industrialização de Gouveia começou por volta de 1850, com a ida do Barão de São Roberto (que veio da cidade de Viana do Castelo em Portugal), para realizar a instalação de uma fábrica de tecido. O Barão de São Roberto (Quintiliano Alves Ferreira) era um baronato que residia na cidade de Gouveia, Minas Gerais.

A fábrica de tecido então passou a chamar fábrica de São Roberto, (também nome da pequena vila de são roberto, próximo e pertencente à Gouveia).

O Barão de São Roberto, instalou sua casa no centro de Gouveia, uma casa pequena, pois ele guardava seu dinheiro, porque naquela época estavam falando da abolição da escravatura, e sem escravos, ele não conseguiria dinheiro. Então, o Barão (Quintiliano Alves Fereira), virou um abolicionista e foi construindo pequenas casas e doando à seus escravos e à familiares.

Turismo[editar | editar código-fonte]

O município integra o circuito turístico dos Diamantes.[8]

Monumentos e igrejas[editar | editar código-fonte]

Matriz de Santo Antônio: A matriz velha de Santo Antônio, já estava construída no ano de 1740 e sendo que em 1765 foi concedida à capela, autorização para ter a pia batismal e o patrimônio do Santíssimo Sacramento. A velha igreja, teve sua frente construída para uma lavra de diamantes, mas diz um lenda, que fala que a frente fora construída num ângulo que acreditava que dava para a cidade de Jerusalém. O sinos da igreja, existentes e funcionantes até hoje, foram batizados com o nome de Dona Maria I, homenageando a rainha de Portugal. A velha matriz fora demolida em 1959, para a construção da nova igreja. De estilo moderno, possui uma única torre que dá visão para toda a cidade. É sede da Paróquia Santo Antônio de Gouveia, fundada em 7 de abril de 1841, por Lei Provincial da Capitania das Minas Gerais e do Arcebispado de Mariana.

Igreja de Nossa Senhora das Dores: Data do século XVIII. Construída por escravos em cima de um grande bloco de granito, fora construída toda em pedra. Nela está a imagem de Nossa Senhora das Dores, que pertenceu a Chica da Silva. Fica no ponto mais alto dentro do perímetro urbano.

Igreja de Nossa Senhora de Lourdes: Fica no bairro São Roberto, onde está localizada a Fábrica São Roberto. Construída na década de 1930, é simples, mas de grande beleza.

Igreja de São Geraldo: Construída na década de 1990, em honra ao santo italiano, está localizada no bairro São Lucas.

Igreja de São Sebastião: Concluída em 2009, em honra ao mártir São Sebastião, está localizada no bairro Serrinha, ao lado do Cemitério São Miguel.

Praça do Calvário: Localizada ao lado da Igreja de Nossa Senhora das Dores, é palco das encenações da Sexta Feira da Paixão. Seu marco, são as estátuas do crucifixo com Cristo crucificado, ladeado por São João Evangelista e Nossa Senhora das Dores.

Casario Histórico: Ao longo da Praça Padre José Machado, no Centro, o casario representa o passado glorioso de Gouveia.

Prédio da Escola Estadual Aurélio Pires: Fundada pela Lei 9059 de 6 de maio de 1929, a Escola Aurélio Pires, é o marco da educação gouveiana.

Vila de São Roberto: Bairro onde está localizada a Fábrica São Roberto, fundada em 1888 e marco do desenvolvimento gouveiano. Vila, que lembra as antigas vilas operárias européias.

Estação Ferroviária de Barão de Guaicuy: Inagurada na década de 1920,pertencia à Estrada de Ferro Central do Brasil e servia como ramal entre a linha de Corinto e Diamantina. Deixou de funcionar na década de 1980. O lugarejo de Barão de Guaicuy se prosperou com a chegada do trem. Hoje em dia, é um ótimo lugar para quem procura sossego. Fica distante 14 km do centro de Gouveia. O prédio da Estação é tombado pelo Patrimônio Municipal.

Patrimônio natural[editar | editar código-fonte]

Serra de Santo Antônio

Cachoeira de São Roberto

Pedra "Chapéu de Sol"

Cachoeira do Barro Preto

Cachoeira do Barão

Morro do Camelinho, onde está localizada a primeira Usina Eólica construída na América Latina.

Povoados e distritos[editar | editar código-fonte]

Vila Alexandre Mascarenhas, Espinho, Pedro Pereira, Cuiabá, Engenho da Bilia, Engenho da Raquel, Riacho dos Ventos, Camelinho, Tigre, Caxambú, Água Parada, Córrego da Onça, Ribeirão de Areia, Bucaina, Barão de Guaicuy.

Festas e eventos[editar | editar código-fonte]

Festa de São Sebastião: (Mês de janeiro). Moradores do bairro Serrinha, onde está localizada a igreja, todos os anos preparam a festa em honra ao padroeiro do bairro. Missas, procissões e barraquinhas, são os marcos da festa.

Carnaval: (Data Móvel). Perdeu o significado que tinha no passado, em consequência do famoso carnaval de Diamantina. Atualmente, tenta-se resgatá-lo.

Semana Santa: (Data Móvel). Durante 07 dias, seguimos os passos da paixão, morte e ressurreição de Cristo. Inicia com a Sexta Feira das Dores e tem seu auge com o Triduo Pascal, que compreende, a Quinta Feira Santa, Sexta Feira Santa e o Sábado Santo. Durante estes dias, celebrações na Matriz de Santo Antônio, na Igreja de Nossa Senhora das Dores e na Praça do Calvário e procissões pela cidade, marcam os últimos passos de Cristo na terra. No Domingo de Páscoa, é celebrada a ressurreição, que se inicia com a procissão da ressurreição ainda na madrugada. É tradição na cidade a queima do Judas, que apesar de antiga, nunca foi oficializada pela Paróquia.

Festa de Santo Antônio: (01 a 13 de Junho). Durante 13 dias, celebra-se as honras ao padroeiro da cidade. Missas, procissões e barraquinhas, são os marcos da festa.

Quadrilhas: (Mês de junho / julho): São realizadas pelas Escolas estaduais, municipais e outras associações, em diversos pontos da cidade. Danças, apresentações culturais e barracas com comidas típicas são os marcos das festas. As festas são em honra a Santo Antônio, São João e São Pedro.

Kobufest: (2ª quinzena de Julho). Maior festa de integração regional do Estado de Minas Gerais. Bandas locais, regionais e nacionais, barracas com comidas típicas e outras atrações marcam a festa.

Festa de Nossa Senhora das Dores: (Mês de setembro). Moradores do bairro Capelinha, onde está localizada a igreja, preparam todos os anos, a festa em honra à padroeira do bairro. Missas, procissões e barraquinhas, são os marcos da festa.

Festa de São Geraldo: (Mês de outubro). Moradores do bairro São Lucas, onde está localizada a igreja, preparam todos os anos, a festa em honra ao padroeiro do bairro. Missas, procissões e barraquinhas, são os marcos da festa.

Órgãos e Serviços[editar | editar código-fonte]

Prefeitura Municipal de Gouveia: Alameda Souza Lima, nº. 1270, Bairro Capelinha.

Câmara Municipal de Gouveia: Praça Padre José Machado, Centro.

4º Pelotão da Polícia Militar de Gouveia: Rua Dr. Rômulo Franchini, Centro.

Delegacia de Polícia Civil de Gouveia: Avenida Prefeito Efigênio Gomes Pereira, Bairro do Sol. (Próxima a BR-259)

Escola Estadual Aurélio Pires: Avenida Juscelino Kubitschek, Centro.

Escola Estadual Joviano de Aguiar: Rua dos Alves, Centro.

Escola Estadual Augusto Aires da Mata Machado: Rua Cônego José Alves, Bairro Serrinha.

Escola Municipal Zulma Miranda: Rua Dr. Rômulo Franchini, Bairro Bela Vista.

Creche Municipal Recreio: Rua Coronel Sica, Centro.

Centro Social Cardeal Dom Serafim (Ginásio Poliesportivo): Avenida Alexandre Mascarenhas, Centro.

Conservatório Estadual de Música Lobo de Mesquista (Extensão Gouveia): Avenida Prefeito Efigênio Gomes Pereira, Centro.

APAE de Gouveia: Rua Nossa Senhora das Dores, Centro.

Correios: Avenida Alexandre Mascarenhas, Centro.

Feira Livre do Produtor Rural (Mercado Municipal): Avenida Alexandre Mascarenhas, Centro.

EMATER (IEF, IMA): Rua Cônego José Alves, Centro.

Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Gouveia: Avenida Juscelino Kubitschek, Cruz das Almas.

Sindicato Rural de Gouveia: Rua dos Alves, Centro.

Horto IEF: BR 259, São Lucas.

Fábrica de Tecidos São Roberto (Estamparia S.A.): Avenida Francisca Diniz, Bairro São Roberto.

Hospital e Maternidade Dr. Aureliano Brandão: Rua Luiz Ponciano, Centro.

CESG - Centro Especializado de Saúde de Gouveia: Rua Coronel Sica, Centro.

Lar dos Idosos São Vicente de Paulo: Rua São Vicente, Centro.

Paróquia Santo Antônio de Gouveia: Rua Coronel Sica, Centro.

Cemitério São Miguel: Praça da Saudade, Bairro Serrinha

PSF Serrinha: Praça da Saudade, Bairro Serrinha

PSF Luiz Ponciano: Rua dos Alves, Centro

PSF Sol - Kobu / Pronto Atendimento de Urgência e Emergência Dr. Agostinho Patrus: Rua Consuelo Falci, Centro

Terminal Rodoviário de Gouveia: (nova rodoviária ainda em construção, à Rua dos Alves, próxima ao trevo da BR-259)

Utilidades[editar | editar código-fonte]

TELECOMUNICAÇÕES[editar | editar código-fonte]

Telefonia Fixa: OI (Telemar).

Telefonia Celular: Vivo MG (3G), Claro MG, TIM MG.

Internet: JK Net (Via Rádio); Rede Citell (Via Rádio); OI Velox (Banda Larga, via cabo).

Retransmissoras de TV: TV Globo (InterTV Grande Minas - Montes Claros): Canal 29; TV Canção Nova: Canal 24; Rede Minas: Canal 31; SBT (TV Alterosa): Canal 38; TV Novo Tempo: Canal 41; Rede Brasil: Canal 07.

Emissora de Rádio: Rádio Kobu FM (104,9 MHz).[9]

Jornal Impresso: Folheto Cultural Voz Amiga (mensal)

Saneamento básico[editar | editar código-fonte]

Água: COPASA (Companhia de Saneamento de Minas Gerais)

Esgoto: Prefeitura Municipal de Gouveia

Transportes[editar | editar código-fonte]

Viação Pássaro Verde / Viação Serro

Viação Gontijo

Empresa de Transporte Guedes e Machado:

AGÊNCIAS BANCÁRIAS[editar | editar código-fonte]

Banco Itaú Unibanco S.A.

Banco Bradesco

Banco do Brasil (Banco Postal)

Caixa Econômica Federal (Loteria e postos 'Caixa Aqui')

Banco SICOOB

COMÉRCIO[editar | editar código-fonte]

ACIASGO (Associação Comercial, Industrial, Agropecuária e Serviços de Gouveia): Praça Padre José Machado, Centro.

Referências

  1. a b IBGE Cidades@ O Brasil Município por Municipio. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Página visitada em 19 de agosto de 2009.
  2. a b Divisão Territorial do Brasil Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  3. distancias-bhmunicipios Distâncias BH/Municípios. Departamento de Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DER/MG). Página visitada em 19 de agosto de 2009.
  4. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Página visitada em 5 dez. 2010.
  5. Censo Populacional 2010 Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (29 de novembro de 2010). Página visitada em 11 de dezembro de 2010.
  6. World Map of the Köppen-Geiger climate classification World Map of the Köppen-Geiger climate classification. Institute for Veterinary Public Health. Página visitada em 24 de fevereiro de 2010.
  7. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Página visitada em 11 dez. 2010.
  8. Listagem dos Circuitos Turísticos (PDF) p. 10. Secretaria de Estado de Turismo de Minas Gerais. Página visitada em 24 de fevereiro de 2013.
  9. Estado de Minas Gerais (8 de dezembro de 2004). Lei 19220. Página visitada em 15 de julho de 2013.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Minas Gerais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.