Igor Constantinovich da Rússia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Igor Constantinovich)
Ir para: navegação, pesquisa
Igor Constantinovich da Rússia
Príncipe da Rússia
Pai Constantino Constantinovich da Rússia
Mãe Isabel Mavrikievna (Isabel Augusta de Saxe-Altemburgo)
Nascimento 10 de Junho de 1894
São Petersburgo, Império Russo
Morte 18 de julho de 1918 (24 anos)
Alapayevsk, República Socialista Federativa Soviética Russa
Enterro Igreja Ortodoxa Russa, Cemitério de Pequim, China
Santo Igor Constantinovich
Nascimento 10 de Junho de 1894 em São Petersburgo, Império Russo
Morte 17 de julho de 1918 em Ecaterinemburgo, URSS
Veneração por Igreja Ortodoxa
Beatificação 2000
Principal templo Igreja do Sangue, em Ecaterinemburgo
Festa litúrgica 17 de julho, juntamente com os demais membros assassinados dos Romanov[1]
Gloriole.svg Portal dos Santos

Igor Constantinovich da Rússia (em russo:Игор Константинович), foi o sexto filho do grão-duque Constantino Constantinovich da Rússia e da sua esposa, a princesa Isabel de Saxe-Altemburgo.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Igor Constantinovich nasceu em São Petersburgo no dia 10 de junho de 1894, sendo filho do grão-duque Constantino Constantinovich, um neto do czar Nicolau I da Rússia. Cresceu como um jovem elegante e gentil que gostava de teatro e era amado por todos que o conheciam. Era conhecido por falar um pouco alto demais. Foi educado na "Corpe de Pages", uma academia militar imperial em São Petersburgo.

Durante a Primeira Guerra Mundial, Igor foi capitão do regimenro de Ismailovsky e tornou-se num herói de guerra condecorado. Contudo a sua saúde era bastante frágil. Sofreu de pleurisia e complicações respiratórias em 1915 e, mesmo depois de se curar e regressar às trincheiras, Igor não conseguia caminhar muito depressa e era frequente tossir e cuspir sangue.

No dia 4 de abril de 1918, Igor foi exilado para os montes Urais pelos bolcheviques e foi assassinado em julho do mesmo ano numa mina perto de Alapaevsk, juntamente com os seus irmãos João e Constantino, os seus primos Vladimir Pavlovich Paley e o grão-duque Sérgio Mikhailovich da Rússia e a grã-duquesa Isabel Feodorovna. O seu corpo foi, posteriormente, recuperado e enterrado num cemitério ortodoxo em Pequim, que foi destruído durante a Revolução Cultural Chinesa.

Canonização[editar | editar código-fonte]

Em 1981, o príncipe Constantino Constantinovich foi canonizado como neomártir pela Igreja Ortodoxa Fora da Rússia. Em 2000, depois de várias discussões dentro da Igreja Ortodoxa Russa, foi declarado Mártir da Opressão da União Soviética.

Genealogia[editar | editar código-fonte]

Os antepassados de Igor Constantinovich da Rússia em três gerações[2]
Igor Constantinovich da Rússia Pai:
Constantino Constantinovich da Rússia
Avô paterno:
Constantino Nikolaevich da Rússia
Bisavô paterno:
Nicolau I da Rússia
Bisavó paterna:
Alexandra Feodorovna (Carlota da Prússia)
Avó paterna:
Alexandra Iosifovna
Bisavô paterno:
José de Saxe-Altemburgo
Bisavó paterna:
Amélia de Württemberg
Mãe:
Isabel Mavrikievna (Isabel Augusta de Saxe-Altemburgo)
Avô materno:
Maurício de Saxe-Altemburgo
Bisavô materno:
Jorge de Saxe-Altemburgo
Bisavó materna:
Maria Luísa de Mecklemburgo-Schwerin
Avó materna:
Augusta de Saxe-Meiningen
Bisavô materno:
Bernardo II de Saxe-Meiningen
Bisavó materna:
Maria Frederica de Hesse-Cassel

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Maxim Shevchenko (31 de maio de 2000). The Matter Has Been Resolved (em inglês) Nezavisemaya Gazeta. Página visitada em 30 de junho de 2012.
  2. The Peerage, consultado a 4 de Junho de 2013

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Igor Constantinovich da Rússia
Ícone de esboço Este artigo sobre a biografia de um santo, um beato ou um religioso é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.