Ingedore Grunfeld Villaça Koch

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Ingedore Grunfeld Villaça Koch é uma linguista brasileira. Atualmente é professora titular da Universidade Estadual de Campinas, São Paulo, Brasil.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Koch possui graduação em Letras - Português Literatura pela Faculdade de Filosofia Ciências e Letras Castro Alves (1974), graduação em Ciências Jurídicas e Sociais pela Universidade de São Paulo (1956), mestrado em Língua Portuguesa pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1977), doutorado em Língua Portuguesa pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1981), e fez seu pós doutorado na Pós-Doutorado Universität Tübingen, Alemanha. Lecionando na Unicamp desde 1985, é livre-docente pela mesma[1] .

Pesquisa Acadêmica[editar | editar código-fonte]

A professora Ingedore é uma referência nacional em línguística aplicada, atuando, principalmente, com linguística textual, leitura e interpretação e semântica e estilística. Seus livros são bibliografias básicas de qualquer curso de letras do Brasil.

Obras Publicadas[editar | editar código-fonte]

  • Ler e Escrever: estratégias de produção textual. São Paulo: CONTEXTO, 2009.
  • As tramas do texto (Série Dispersos). Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2008.
  • Ler e Compreender: os sentidos do texto. São Paulo: CONTEXTO, 2006.
  • Referenciação e Discurso. São Paulo: CONTEXTO, 2005.
  • Introdução à Lingüística Textual: trajetória e grandes temas. 1. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2004.
  • KOCH, Ingedore Grunfeld Villaça (Org.) ; SCHLIEBEN-LANGE, B. (Org.) ; JUNGBLUTT, Konstanze (Org.) . Dialog zwischen Schulen: Soziolinguistische, konversationsanalytische und generative Beiträge aus Brasilien. 1. ed. Münster: Nodus Publikationen, 2003.
  • Desvendando os segredos do texto. 4a.. ed. São Paulo: Cortez, 2001.
  • O Texto e A Construção do Sentido. Campinas, SP: CONTEXTO, 1997. v. 2000.
  • Gramática do Português Falado: Desenvolvimentos. 1a.. ed. Campinas- SP: EDUNICAMP/FAPESP, 1997.
  • A Inter-ação Pela Linguagem. SAO PAULO: CONTEXTO, 1992.
  • Cognição, discurso e interação. São Paulo: CONTEXTO, 1992.
  • A Coesão Textual. SAO PAULO: CONTEXTO, 1990.
  • A Coerência Textual. SAO PAULO: CONTEXTO, 1989.
  • Argumentação e Linguagem. SAO PAULO: CORTEZ, 1984.

Referências[editar | editar código-fonte]

[1] Linguística Textual: uma entrevista com Ingedore Villaça Koch. Revista Virtual de Estudos da Linguagem - ReVEL, vol. 1, n. 1, 2003

Currículo pelo Sistema de Currículos Lattes[editar | editar código-fonte]

  1. http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.jsp?id=K4787851Z9