Jerome Karle

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jerome Karle Medalha Nobel
Físico-química
Nacionalidade Estados Unidos Estadunidense
Nascimento 18 de junho de 1918
Local Nova Iorque, Estados Unidos
Morte 6 de junho de 2013 (94 anos)
Local Annandale, Virgínia, Estados Unidos
Atividade
Campo(s) Físico-química
Alma mater City College of New York, Universidade Harvard, Universidade de Michigan
Prêmio(s) Nobel prize medal.svg Nobel de Química (1985)

Jerome Karle (Nova Iorque, 18 de junho de 1918Annandale, Virgínia, Estados Unidos, 6 de junho de 2013) foi um físico-químico estadunidense.[1]

Doutorou-se em físico-química pela Universidade de Detroit em 1944, e foi diretor de pesquisa sobre estrutura da matéria no Laboratório Naval dos Estados Unidos em Washington. Nesse mesmo ano conheceu a sua esposa, também especialista em cristalografia e colaboradora na investigação de estruturas cristalinas moleculares de átomos leves, por análise dos correspondentes espectros de difração de raios-X, nêutrons e elétrons, mediante métodos originais.

Os resultados de tais estudos contribuíram de maneira decisiva ao melhor conhecimento de temas de química inorgânica como a determinação de raios iônicos e atômicos de átomos metálicos, de estruturas de complexos inorgânicos e compostos intermetálicos, e permitiram abordar numerosos problemas de física dos materiais.

Por esse trabalho a "Real Academia Sueca de Ciências" concedeu-lhe o Nobel de Química de 1985, compartilhado com Herbert Hauptman.

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Robert Bruce Merrifield
Nobel de Química
1985
com Herbert Hauptman
Sucedido por
Dudley Robert Herschbach, Yuan Lee e John Charles Polanyi


Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) químico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.