João Chagas Leite

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

João Chagas Leite é um músico e compositor de música nativista do Rio Grande do Sul, nascido em Uruguaiana

Suas letras são de grande profundidade poética associada ao nativismo. Destacam-se ainda "Ave Sonora", "Amigos do Rio Uruguai" e "Barranqueiros".

Ao participar da Califórnia da Canção Nativa, em Uruguaiana, sua terra Natal, João Chagas Leite encontrou sua verdadeira identidade, tornando-se, ao longo desses últimos anos, um dos renomados intérpretes da música nativista, reconhecido não apenas no Rio Grande do Sul, mas também além fronteiras.

São 13 primeiros lugares em festivais de música nativista, tendo vencido duas vezes consecutivas a 3ª e 4ª Tertúlia Musical Nativista, entre outros. "Minha primeira Tertúlia que venci como intérprete foi com a música Penas e depois com Pampa e Querência”.

Já fez apresentações no Memorial da América Latina, em São Paulo, Mato Grosso do Sul, Salvador, Espírito Santo, Uruguai e Argentina.

Todo o trabalho do cantor é baseado na linha de projeção folclórica, isso é, onde a música for cantada seu linguajar é conhecido.

Na opinião do nativista, sua música está espalhada em todo o Brasil, mas não é massificada pela mídia, não tem uma música gaúcha que estoura na mídia nacional.

"Tem um grande percentual de cantores gaúchos que estão prontos para o Brasil com CDs e shows montados. A única música que está fora da mídia é do Rio Grande", reclama..[1] [2]

Referências

  1. Giovani Grizotti (2 de dezembro de 2008). O novo CD de João Chagas Leite clicrbs.com.br. Visitado em 24 de Julho de 2011.
  2. Jornal A Razão (18 de março de 2009). Contos de fadas de João Chagas Leite arazao.com.br. Visitado em 24 de Julho de 2011.
Ícone de esboço Este artigo sobre um cantor é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.