Pélias

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Pélias (em grego: Πελίας, transl. Pelías), na mitologia grega, foi um rei de Iolco, filho de Posidão e Tiro, filha de Salmoneu e Alcidice.[1] [2] Ele sucedeu a Creteu, marido de Tiro, como rei de Iolco,[3] sendo sucedido por seu filho Acasto.[4] Ele foi morto pelas próprias filhas, enganadas por Medeia.[4]

Nascimento[editar | editar código-fonte]

Tiro era esposa de Creteu, rei de Iolco, e foi seduzida por Posidão, tendo dois filhos gêmeos com o deus: Pélias e Neleu.[1] [2] Tiro abandonou-os no monte, mas eles sobreviveram, e mataram sua madrasta, Sidero, no altar de Hera.[1]

Reinado[editar | editar código-fonte]

Pélias e Neleu se desentenderam, e Neleu foi exilado, fundando a cidade de Pilos, na Messênia.[5] [Nota 1]

Pélias se casou com Anaxíbia, filha de Bias ou Filômaca, filha de Anfião, e teve um filho, Acasto e várias filhas, Pisídice, Pelópia, Hipotoe e Alcestes.[6]

Ele prometeu a mão da sua filha Alcestes a quem conseguisse trazer um carro guiado por um leão e um javali, mas seu sobrinho Admeto,[7] filho do seu meio-irmão Feres,[8] com a ajuda de Apolo, conseguiu o feito.[7]

Foi por medo de Jasão, filho de seu meio-irmão Esão, que Pélias o enviou à Cólquida para buscar o velo de ouro.[3] Seu filho Acasto, porém, também foi um dos argonautas.[3]

Durante a expedição dos argonautas, Pélias quis matar Esão, mas este pediu para se suicidar, o que fez bebendo o sangue do touro sacrificado; em seguida a mãe de Jasão se suicidou por enforcamento, deixando um filho menor Promachus, que foi assassinado por Pélias.[4]

Quando Jasão retornou e entregou o velo de ouro a Pélias, ele quis se vingar, mas não tinha forças, se exilou e pediu a Medeia para bolar um plano.[4] Ela, então, convence as filhas de Pélias de que se elas cortassem o pai e o cozinhassem, ele seria jovem de novo - e ele morreu assim.[4] Acasto, porém, enterrou seu pai e expulsou Jasão e Medeia de Iolco.[4]

Notas e referências

Notas

  1. Pausânias apresenta uma outra versão para a fundação de Pilos

Referências

Árvore genealógica baseada em Pseudo-Apolodoro. Falta incluir esposa e filhos:

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Éolo
 
 
 
 
 
Enarete
 
 
 
 
 
 
{{{ EOKL}}}
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Alcídice
 
 
 
 
Salmoneu
 
 
 
 
Creteu
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Posidão
 
 
 
 
 
Tiro
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Pélias
 
 
 
Neleu
 
Esão
 
Amythaon
 
Feres

Caixa de sucessão baseada em Apolodoro:

Precedido por
Creteu
Rei de Iolco
Sucedido por
Acasto

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre mitologia grega é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.