Partido Liberal de Honduras

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Partido Liberal
Presidente Patricia Isabel Rodas
Sede Tegucigalpa, Honduras
Ideologia Liberalismo
Afiliação internacional Internacional Liberal
Grupo de Centro Democrático do Parlamento Centro-Americano
Site www.partidoliberaldehonduras.hn

Partido Liberal de Honduras (PLH) é o principal partido político de Honduras. Em toda sua história republicana, partilhou um bipartidarismo durante o século XIX e início do XX com o Partido Conservador e depois com seu substituto, o Partido Nacional de Honduras.

É junto com o Partido Liberal Colombiano as únicas organizações liberais surgidas depois das independências dos países latinoamericanos que perduraram.

História[editar | editar código-fonte]

Todas as eleições democráticas em Honduras foram disputadas entre o PLH e o PNH. Ainda que os liberais tenham ganhado a eleição presidencial de 2005, os nacionalistas lograram uma maioria no Congreso Nacional aliando-se ao Partido Democrata Cristão de Honduras.

Membros do Centro Executivo do Partido Liberal de Honduras

  • Presidente: Patricia Isabel Rodas Baca Vika Martell
  • Suplente da Presidência: Oscar Ovidio Bueso
  • Secretaria Geral: Benito Camelas
  • Secretaria de Organização E Propaganda: Elsa Pallo
  • Secretaria de Assuntos Juvenis: Susana Horia
  • Secretaria de Assuntos Femeninos E Sociais: Esteban Quito
  • Secretaria de Capacitação Política: Debora Latoda

História recente[editar | editar código-fonte]

Nas eleições legislativas de novembro de 2001, o partido obteve 40% dos votos, conseguindo 55 dos 128 assentos parlamentares, ainda que seu candidato Rafael Pineda Ponce tenha sido derrotado pelo nacionalista Ricardo Maduro Joest. Nas presidenciais de 2005, Manuel Zelaya, candidato do PLH derrotou o nacionalista Porfirio "Pepe" Lobo. Atualmente tem 62 congressistas nacionais e 11 deputados.

Em 2008, o presidente Zelaya surpreendeu tanto nacionalmente e internacionalmente com suas intenções de juntar-se à ALBA, iniciativa comercial liderada pela Venezuela que, embora tenha respaldo da esquerda e certos setores liberais, encontra a oposição da direita hondurenha.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]