Savoia-Marchetti SM.81

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Savoia-Marchetti SM.81 Pipistrello
Savoia-Marchetti SM.81 abandonado em Bengazi na Líbia, (26 de Fevereiro de 1941.)
Descrição
Fabricante Savoia-Marchetti
Projetado por: Alessandro Marchetti
Primeiro voo 8 de fevereiro de 1934
Entrada em serviço primavera de 1935
Missão bombardeiro
Tripulação 6
Dimensões
Comprimento 17,80 m
Envergadura 24,0 m
Altura 4,45 m
Área (asas) 92,2 m²
Peso
Peso total 6.300 kg
Peso bruto máximo 10.505 kg
Propulsão
Motores 3 radiais Piaggio P.X RC.35 670 CV
Performance
Velocidade máxima 340 a 1.000m km/h
Teto máximo 7.000 m
Armamento
Metralhadoras 6x Breda-SAFAT de 7,7mm
Mísseis/Bombas 2.000 kg de bombas incendiárias

Savoia-Marchetti SM.81 - bombardeiro médio trimotor de fabricação italiana utilizado na Guerra Civil Espanhola e na II Guerra Mundial. Era conhecido como Pipistrello (morcego).

Voou pela 1º vez em 1935 como equivalente do SM.73 de transporte. Participou como bombardeiro ou aeronave de reconhecimento na guerra da Abissínia e na guerra civil espanhola.

No início da Segunda Guerra Mundial a Itália possuía aproximadamente 300 aparelhos que também desempenhariam tarefas de transporte de carga e para-quedistas, reboque de planadores e luta anti-submarino.

Usuários[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Savoia-Marchetti SM.81