Scyphozoa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaScyphozoa
Jellyfish.jpg

Classificação científica
Domínio: Eukaria
Reino: Animalia
Filo: Cnidaria
Classe: Scyphozoa
Götte, 1887
Ordens
Stauromedusae ou Lucernariida

Coronatae
Semaeostomeae
Rhizostomeae

Wikispecies
O Wikispecies tem informações sobre: Scyphozoa

Scyphozoa (do grego skyphos, taça, + zoon, animal) ou cifozoários é a classe do filo Cnidaria que inclui as medusas ou águas-vivas, contendo mais de 200 espécies. Os membros dessa classe são cnidários pelágicos, nos quais a medusa é a forma dominante e evidente. Uma forma polipóide, equivalente a uma actínula, segue-se à larva plânula.

Especializações[editar | editar código-fonte]

A especialização levou a complexidades na estrutura medusóide, possuindo um tamanho maior que a maioria das hidromedusas, manúbrio mais altamente desenvolvido formando braços orais, mesogléia que contém células, estômago septado ou pelo menos um estômago com filamentos gástricos, cnidócitos gastrodérmicos e um certo desenvolvimento dos órgãos sensoriais. Elas são bilaterais e não possum esqueleto sólido.

Reprodução[editar | editar código-fonte]

As gônadas são gastrodérmicas, e os ovos (eliminados através da boca) desenvolvem-se em larvas planulares. Após a fixação, as plânulas desenvolvem-se em pólipos, que se alimentam e podem reproduzir-se assexuadamente.

Ordens[editar | editar código-fonte]

  • Stauromedusae ou Lucernariida: pólipos sésseis presos por uma haste em forma de trombeta (Haliclystus, Craterolophus e Lucernaria).
  • Coronatae: águas-vivas, muitas espécies de mar profundo (Periphylla, Stephanoscyphus, Nausithoe, Linuche e Atolla).
  • Semaeostomeae: sifomedusas com sinos em forma de pires (Cyanea, Pelagia, Aurelia, Chrysaora e Stygiomedusa).
  • Rhizostomeae: águas-vivas de águas rasas tropicais e subtropicais (Cassiopea, Rhizostoma, Mastigias e Stomolophus).

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  • RUPPERT, Edward E.; BARNES, Robert D. Zoologia dos Invertebrados. ed. São Paulo: Roca, 1996.