Terry Williams

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2011).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Terry Willians foi o baterista da banda Dire Straits, comandada pelo guitarrista Mark Knopfler.

História[editar | editar código-fonte]

Nascido em 11 de janeiro de 1948 em Swansea, País de Gales, Terry Williams entrou para a banda Dire Straits em 1982, quando Pick Withers, baterista da formação original, resolveu abandonar o grupo para montar uma banda de jazz e se dedicar mais à família.

A entrada de Terry Williams se deu a partir do compacto Twisting by the Pool. Era o baterista na fase de maior sucesso da banda, após o lançamento do Brothers in Arms. Durante a gravação do álbum, inclusive, chegou a deixar a ilha de Montserrat porque Mark Knopfler chamou o baterista Omar Hakin para refazer a bateria, pois não havia gostado do que Terry desenvolvera. Embora não se tenha certeza, acredita-se que a única participação de Terry na fase de estúdio que foi para o disco é a introdução de Money for Nothing. Apesar desse contratempo, Terry Williams prosseguiu na banda e participou de toda a turnê que se seguiu nos dois anos posteriores.

Bastante identificado com a o momento que vivia a banda, nela permaneceu até meados de 1988, sendo uma de suas últimas apresentações o show dedicado aos 70 anos de Nelson Mandella. Naquele período, o Dire Straits havia dado um tempo nas turnês e seus membros se dedicavam mais a projetos paralelos, principalmente porque a última turnê, do disco Brothers in Arms, havia sido muito desgastante, tendo ocorrido entre 1985 e 1986.

A partir de 1989, Mark Knopfler decidiu fazer um novo disco dos Straits, que levou o nome de On Every Street.

Knoplfer decidiu, também, promover algumas mudanças na banda, dentre as quais estava incluída a bateria. Para o novo álbum assumiram, na fase de estúdio, os bateristas Jeff Porcaro (falecido pouco tempo depois) e Chris Whitten (que tocou na turnê). Da turne desse disco, última do grupo, foi originado o "ao vivo" On The Night, que também saiu em vídeo.

Terry permanece tocando até os dias atuais em projetos menores.

Discografia[editar | editar código-fonte]

Com Billy Bremner
  • Bash! (1984)
Com Carlene Carter

Carlene Carter (1978)

Com Cliff Richard
  • Rock Connection (1984) ?
Com Dave Edmunds / Rockpile / Love Sculpture
Com Deke Leonard
  • Iceberg (1972)
  • Kamikaze (1974)
  • Before Your Very Eyes (1981)
Com Dion
  • Yo Frankie (1989)
Com Dire Straits
Com Graham Parker
  • The Mona Lisa's Sister (1988)
  • Passion Is No Ordinary Word (1993) compilation ?
  • No Holding Back (1996) compilação
  • Ultimate Collection (2001) compilação
Com John Illsley
Com Man
Com Mark Knopfler
Com Mickey Jupp
  • Juppanese (1978)
Com The Motors
  • Tenement Steps (1980)
Com Nick Lowe
Com The Everly Brothers
  • Phil Everly (1983)
  • EB 84 (1984)
  • Mercury Years (1993) compilação
Com Tina Turner
COm Tracey Ullman
Com Willie and the Poor Boys (Bill Wyman)
  • Willie and the Poor Boys (1985)
  • Poor Boy Boogie (2006) compilação
Tambémo

Ligações externas[editar | editar código-fonte]