Verbo transitivo direto-indireto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox question.svg
Esta página ou seção carece de contexto (desde março de 2012).

Este artigo (ou seção) não possui um contexto definido, ou seja, não explica de forma clara e dire(c)ta o tema que aborda. Se souber algo sobre o assunto edite a página/seção e explique de forma mais clara e objetiva o tema abordado.

Os verbos transitivos diretos-indiretos (também denominados bitransitivos) são aqueles utilizados com dois objetos: um direto, outro indireto, concomitantemente. Exemplos:

  • "No inverno, Dona Cléia dava roupa e comida aos pobres."
    • objeto direto: roupa e comida
    • objeto indireto: aos pobres
  • "A empresa fornece comida aos trabalhadores da firma."
    • objeto direto: comida
    • objeto indireto: aos trabalhadores da firma
  • "Oferecemos flores à noiva."
    • objeto direto: flores
    • objeto indireto: à noiva
  • "Ceda o lugar aos mais velhos."
    • objeto direto: o lugar
    • objeto indireto: aos mais velhos
  • "Perdoa-lhe tudo." [= "Perdoa tudo a ele."]
    • objeto direto: tudo
    • objeto indireto: lhe
  • "Ensinamos técnicas agrícolas aos camponeses."
    • objeto direto: técnicas agrícolas
    • objeto indireto: aos camponeses
  • "O século XX familiarzou o homem com a máquina."
    • objeto direto: o homem
    • objeto indireto: com a máquina

Entre os principais verbos transitivos diretos e indiretos, estão: atirar, atribuir, dar, doar, ceder, apresentar, ofertar, oferecer, pedir, prometer, explicar, ensinar, proporcionar, perdoar, pagar, preferir, devolver, chamar, entregar, perguntar, informar, aconselhar, propor, prevenir, relatar, narrar.