Vila Industrial (Campinas)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Vila Industrial é um bairro da Região Sul de Campinas e ao lado do Centro. Ao norte está o complexo ferroviário no qual se localiza a Estação Cultura e o Centro de Campinas. Na parte mais a oeste da Vila Industrial está a nova estação rodoviária, o Terminal Multimodal Ramos de Azevedo e a Paróquia São José. Sob uma parte do bairro passa o Complexo Viário Túnel Joá Penteado.

Ao norte da Vila Industrial está o Centro, ao sul o ficam Parque Itália e o São Bernardo, a leste a Ponte Preta, a sudeste o Jardim Leonor e a oeste estão a Vila Teixeira, a Vila Aurocan e o Jardim Miranda, na imediações do antigo Curtume Cantúsio.

História[editar | editar código-fonte]

Trata-se de um dos primeiros bairros da cidade, formado ainda no século XIX. Nele se localiza a Vila Manoel Dias, reduto de operários, formada na década de 1930 e tombada[1] como patrimônio histórico de Campinas.

Bairros dentro da Vila Industrial[editar | editar código-fonte]

Em função do fato de Campinas não ter delimitação legal e precisa dos bairros, há bairros que são desconhecidos da população em geral, em função de seu pequeno tamanho:

  1. Vila Rialto (é a região na qual se localiza o início da Av. das Amoreiras, próxima ao Parque Itália, já na Região Sul);
  2. Vila João Jorge (região entre a Via Expressa Waldemar Paschoal, a linha do trem e a Av. João Jorge, onde se localiza o parque gráfico da Rede Anhanguera de Comunicação, que produz os jornais Correio Popular, Diário do Povo e Notícia JÁ);
  3. Vila Satúrnia (pequeno bairro próximo ao São Bernardo e à Vila Teixeira).

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Face oculta da segregação Com Ciência, acesso em 29 de julho de 2009.