Voo Northwest Airlines 253

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Voo Northwest Airlines 253
Um Airbus 330 similar ao envolvido no incidente com o voo 253.
Local Romulus, Michigan, Estados Unidos
Data 25 de dezembro de 2009 (UTC-5)
Tipo de ataque Tentativa de explosão em voo com tetranitrato de pentaeritritol
Mortes 0
Feridos 3
Responsável(is) Abdul Mudallad (Umar Farouk Abdulmutallab, Abdul Farouk Abdulmutallab)

O voo Northwest Airlines 253 é um voo transatlântico entre Amesterdão, Países Baixos, e Detroit, Michigan, Estados Unidos. O voo é operado pela companhia Northwest Airlines e foi alvo de uma tentativa de ataque terrorista em 25 de dezembro de 2009.[1] [2] Três pessoas, incluindo o alegado autor, ficaram feridas. O suspeito, de nacionalidade nigeriana, foi detido.

Em pleno voo um passageiro identificado como Abdul Farouk Abdulmutallaba, de 23 anos e nacionalidade nigeriana[3] fez despoletar um engenho explosivo consistindo numa mistura de pó inflamável[4] e líquido (inicialmente suposto ser panchão) cerca de 20 minutos antes de o avião aterrissar.[5] [6] [7] O suspeito aparentemente bateu num pacote de pó na sua perna ou virilha, e usou uma seringa com produtos químicos para causar uma reacção química, e a parte inferior do seu corpo foi apanhada em fogo. O engenho falhou a detonação.[6] [8] Um passageiro afirmou "Houve fumo e chamas; foi assustador.".[9] Supõe-se que a substância usada foi tetranitrato de pentaeritritol, um químico altamente explosivo.

A aeronave, um Airbus A330-300 tinha 278 pessoas a bordo. Por volta das 12:00 locais, na fase de aterragem, um passageiro tentou explodir alguns petardos de fraca intensidade. O suspeito, um nigeriano de nome Abdul Mudallad, de 23 anos terá dito às autoridades americanas que havia sido treinado pela Al-Qaeda e o ataque fora uma ordem de Osama Bin Laden. Segundo ele, os explosivos teriam sido fornecidos a ele por militantes do Iêmen, porém há suspeitas de que o nigeriano tenha agido sozinho e apenas se inspirado na organização comandada pelo saudita Osama Bin Laden.

Referências

  1. Diário de Notícias
  2. Simpson, Cam (December 25, 2009). Suspect Identified as Nigerian Man. Dow Jones & Company, Inc.. Página visitada em December 25, 2009.
  3. New York Times December 26, 2009 "Governments React After Terror Attempt on Airplane"
  4. Passengers Took Plane’s Survival Into Own Hands. The New York Times Company (26 December 2009). Página visitada em 2009-12-26.
  5. Terror suspected in plot to blow up Northwest jet. Associated Press (December 25, 2009). Página visitada em December 25, 2009.
  6. a b Man Attempts to Set Off Explosives on Detroit-Bound Airplane. ABC News (December 25, 2009). Página visitada em December 25, 2009.
  7. "US plane attack suspect quizzed after 'terror attempt', BBC News, December 26, 2009
  8. Passenger Tries To Blow Up Airliner. CBS Interactive (December 25, 2009). Página visitada em December 25, 2009.
  9. "How al-Qaeda airline fiend used leg bomb and syringe", The New York Post, December 26, 2009, accessed December 25, 2009

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um acidente aéreo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.