Batalha de Smolensk (1812)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Batalha de Smolensk
Campanha da Rússia, Guerras Napoleônicas
Smolensk by hess.jpg
Data 1618 de agosto de 1812
Local Smolensk, Rússia
Desfecho Vitória tática francesa; os russos batem em retirada
Beligerantes
França Império Francês
Polónia Ducado de Varsóvia
Rússia Império Russo
Comandantes
França Napoleão Bonaparte Rússia Mikhail de Tolly
Rússia Pyotr Bagration
Forças
175 000 homens
84 canhões[1]
130 000 homens
108 canhões[1]
Baixas
700 mortos
3 200 feridos
4 700 mortos
7 000 - 8 000 feridos
2 000 prisioneiros

A Batalha de Smolensk foi a primeira grande batalha travada durante a invasão francesa da Rússia. Aconteceu entre 16 e 18 de agosto de 1812, opondo 175 000 soldados do Grande Armée de Napoleão Bonaparte contra 130 000 russos sob comando de Barclay de Tolly, embora menos de 80 mil homens tenham de fato lutado por ambos os lados. Napoleão atacou a cidade de Smolensk com o objetivo de atrair os russos para uma batalha derradeira. Apesar dos franceses terem dominado o campo de batalha, as tropas russas conseguiram evacuar, queimando boa parte da região para não deixar suprimentos para o inimigo.[2][3]

Referências

  1. a b Pigeard, Alain - Dictionnaire des batailles de Napoléon, Tallandier, Bibliothèque Napoléonienne, 2004, ISBN 2-84734-073-4, p. 798
  2. «Battle of Smolensk, moscow mint». http://coinsmoscow.ru. Consultado em 16 de março de 2013 
  3. "Battle of Smolensk, August 1812". Página acessada em 20 de maio de 2017.
Ícone de esboço Este artigo sobre tópicos militares é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.