Câmara dos Conselheiros

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde novembro de 2018). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Câmara dos Conselheiros
参議院
Sangiin
Coat of arms or logo
Tipo
Tipo Câmara alta
Liderança
Presidente Chuichi Date
Vice-Presidente Akira Gunji
Estrutura
Membros 242
第24回参議院議員通常選挙.svg
Grupos políticos:
Eleições
Última eleição: 10 de Julho de 2016
Sede
Japanese diet inside.jpg
Prédio da Dieta Nacional em Tóquio
Site
http://www.sangiin.go.jp/
Notas de rodapé
Política do Japão
Dieta do Japão

A Câmara dos Conselheiros (参議院, Sangiin?) é a câmara alta da Dieta, o parlamento japonês. A Casa dos Representantes é a câmara baixa. A Câmara dos Conselheiros é a sucessora da Câmara dos Pares do Japão do período anterior à Segunda Guerra Mundial, equivalente japonês à Câmara dos Lordes britânica.

Se as duas câmaras discordarem em matérias de orçamento, tratados, ou na escolha do primeiro-ministro, a Câmara dos Representantes pode fazer valer a sua decisão. Em todos os outros tipos de decisões, a Câmara dos Representantes só pode se sobrepor ao voto da Câmara dos Conselheiros por uma maioria de dois terços dos membros presentes na votação. No entanto, com a introdução da representação proporcional da Câmara dos Representantes, a câmara alta aumentou significativamente o seu poder de veto, resultando em seguidas impossibilidades dos governos em obter dois terços em quase todas as eleições gerais, como no caso recente da privatização dos correios. Esta particularidade faz da Câmara dos Conselheiros uma instituição tão poderosa quanto o Senado da Austrália ou o Senado dos Estados Unidos em sua capacidade de influenciar as políticas públicas.

A Câmara dos Conselheiros tem 242 membros com mandatos de seis anos, dois anos a mais do que os mandatos da Câmara dos Representantes. Os conselheiros devem ter pelo menos 30 anos de idade, contra os 25 necessários para a Câmara dos Representantes. A Câmara dos Conselheiros não pode ser dissolvida, já que apenas metade de seus membros são reeleitos a cada eleição, através de um processo de votações paralelas. Das 121 cadeiras disponíveis em cada eleição, 73 são eleitas dos 47 distritos prefeiturais (através do voto único e não-transferível) e 48 são eleitas duma lista nacional através da representação proporcional. Até a eleição de 1998, existiam 252 membros, 126 eleitos alternadamente: 76 dos distritos prefeiturais e 50 de todo o país. Nas eleições de 2001 estes números foram reduzidos, e o número total era de 247 (126 eleitos em 1998 e 121 eleitos em 2001).

Composição[editar | editar código-fonte]

Partido Ideologia Espectro Mandatos
Partido Liberal Democrata Conservadorismo Direita
126 / 242
Novo Komeito Conservadorismo social Direita
26 / 242
Partido Democrático do Povo Conservadorismo liberal Centro-direita
24 / 242
Partido Democrático Constitucional do Japão Social-Democracia Centro-esquerda
23 / 242
Partido Comunista Japonês Comunismo Esquerda
14 / 242
Nippon Ishin no Kai Nacionalismo japonês Direita
11 / 242
Coligação Partido Social Democrata-Partido Liberal Social-Democracia-Liberalismo Centro-esquerda e Centro-direita
6 / 242
Kibō no Tō Conservadorismo Direita
3 / 242
Assembleia para Estimular o Japão Democracia-direta Centro-direita
3 / 242
Turbilhão de Okinawa
2 / 242
Independente Pega-tudo Centro
11 / 242

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]