Culinária vietnamita

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Culinária do Vietnã)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Nem cuon (Rolinhos de salada)

A culinária do Vietnã engloba os alimentos e bebidas do Vietnã, e apresenta uma combinação de cinco fundamentais sabores ( vietnamita : NGU VI) na alimentação geral.[1] Cada prato vietnamita tem um sabor distinto que reflete um ou mais destes elementos. Os ingredientes comuns incluem o molho de peixe, pasta de camarão, molho de soja, arroz, ervas frescas, frutas e legumes. As receitas vietnamitas usam o capim-limão, gengibre, hortelã, hortelã vietnamita, coentro-bravo, canela vietnamita, pimenta, limão e folhas de manjericão.[2]

A tradicional culinária vietnamita é muito admirado pelos seus ingredientes frescos, uso mínimo de óleo, e a dependência de ervas e legumes. Com o equilíbrio entre ervas e carnes frescas e um uso seletivo de especiarias para chegar a um bom gosto, a comida vietnamita é considerada uma das culinárias mais saudáveis do mundo.[3]

Galeria[editar | editar código-fonte]

Culinária vietnamita no Brasil[editar | editar código-fonte]

O primeiro contato dos vietnamitas com povos do Ocidente ocorreu em 1516, quando uma expedição de Portugal chegou àquela região, que foi batizada de Cochinchina pelos portugueses, por ficar entre Cochim, na Índia, e a China. Rapidamente a cidade portuária de Faifô, hoje conhecida como Hoi An, no centro do atual Vietnã, virou um entreposto português, de onde partiram vários produtos, principalmente especiarias, para a Europa e depois para o Brasil.[4] Todos os anos, navios portugueses partiam rumo ao Vietnã para de lá trazer sedas, açúcar, pimenta e outras especiarias.[5] Dessa forma, muitos produtos originários daquela região se tornaram comuns no Brasil. É o caso da o anis estrelado, do caril, e da jaca, que encontrou em terra brasileiras um ambiente propício para florescer. [6]

Com o fim da colonização portuguesa e a conquista do Vietnã pelos franceses, o intercâmbio culinário entre os dois países cessou. Hoje, a gastronomia vietnamita é apresentada no Brasil como algo exótico, com poucos representantes no país. Apesar disso, um crescente interesse da população por novos tipos de culinária tem levado à abertura de bares e restaurantes vietnamitas no país. São o caso do Bia Hoi SP[7], um bar inspirado nos botecos de chope de Hanói, capital do Vietnã, e do Cochinchine, um restaurante que evidencia a forte influência francesa na gastronomia vietnamita.[8]

Referências


Ícone de esboço Este artigo sobre culinária é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.