Dale Mortensen

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Dale Mortensen Medalha Nobel
Economia do trabalho, teoria do ajuste
Nacionalidade Estados Unidos Estadunidense
Nascimento 2 de fevereiro de 1939
Local Enterprise, Oregon
Morte 9 de janeiro de 2014 (74 anos)
Local Wilmette, Illinois
Atividade
Campo(s) Economia do trabalho, teoria do ajuste
Instituições Universidade Northwestern
Alma mater Universidade Carnegie Mellon
Universidade Willamette
Prêmio(s) Nobel prize medal.svg Nobel de Economia (2010)


Dale Thomas Mortensen (Enterprise, 2 de fevereiro de 1939Wilmette, Illinois, 9 de janeiro de 2014) foi um economista americano. Sua pesquisa era voltada à macroeconomia e à economia do trabalho. Ele é conhecido por sua contribuição ao estudo da teoria do ajuste do desemprego friccional. Ele estendeu as descobertas nesse campo para estudar também as mudanças de empregos e realocações, pesquisa e desenvolvimento, e relações pessoais.

Mortensen recebeu o Prêmio Nobel de Economia em 2010, junto a Peter Diamond e Christopher Pissarides, por "sua análise dos mercados com fricções de procura".[1] Ele foi um dos que assinaram uma petição para o governo americano não socorresse os bancos em 2008.[2]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Elinor Ostrom e Oliver Williamson
Prémio de Ciências Económicas em Memória de Alfred Nobel
2010
com Peter Diamond e Christopher Pissarides
Sucedido por
Thomas Sargent e Christopher Sims


Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Commons Categoria no Commons
Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) economista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.