Ben Bernanke

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Benjamin Shalom Bernanke
14ª Presidente da Reserva Federal dos Estados Unidos
Período 1 de fevereiro de 2006 a 31 de outubro de 2014
Presidente George W. Bush
Barack Obama
Antecessor(a) Alan Greenspan
Sucessor(a) Janet Yellen
Dados pessoais
Nascimento 13 de dezembro de 1953 (68 anos)
Augusta
Nacionalidade Estados Unidos Estadunidense
Alma mater Universidade Harvard, Instituto de Tecnologia de Massachusetts
Prêmio(s) Pessoa do Ano (2009)
Partido Republicano (antes de 2015)
Independente (2015-presente)

Benjamin Shalom Bernanke (Augusta, 13 de Dezembro de 1953) é um economista estadunidense, de origem judaica, ex-presidente da Reserva Federal (FED), o banco central dos Estados Unidos.

Bernanke assumiu esse posto em Fevereiro de 2006 em substituição de Alan Greenspan. Economista formado em Harvard (summa cum laude), obteve seu PhD pelo Massachusetts Institute of Technology. Sabe-se também que participa nas reuniões do globalista Clube de Bilderberg.

Em 2011 era considerado a oitava pessoa mais poderosa do mundo pela Forbes.[1] Ele é amplamente rejeitado pelos movimentos sociais norte-americanos, tanto pelo Tea Party quanto pelo Occupy Wall Street.[2] Apesar disso, ele se posicionou contra os salvamentos bancários.[3]

Referências

Precedido por
Barack Obama
Pessoa do Ano
2009
Sucedido por
Mark Zuckerberg


Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Ben Bernanke