Volodymyr Zelenski

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Volodymyr Zelensky)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Volodymyr Zelenski
Володимир Зеленський[1]

Владимир Зеленский

6.º Presidente da Ucrânia
Período 20 de maio de 2019
a atualidade
Primeiro-ministro Volodymyr Groysman
Antecessor Petro Poroshenko
Dados pessoais
Nome completo Volodymyr Oleksandrovych Zelensky (ou Vladimir Aleksandrovich Zelenski)[2][3][4][5]
Nascimento 25 de janeiro de 1978 (41 anos)[6]
Kryvyi Rih, República Socialista Soviética da Ucrânia[7]
Progenitores Mãe: Rimma Zelenska[11]
Pai: Oleksandr (Aleksandr) Zelensky[11]
Alma mater Universidade Nacional Econômica de Kiev[8]
Esposa Olena Zelenski (desde 2003)[9]
Filhos 2[12]
Partido Servo do Povo[10]
Ocupação Político, roteirista, ator e diretor[6]

Volodymyr Oleksandrovych Zelenski[4][5] (em ucraniano: Володимир Олександрович Зеленський;[1] em russo: Владимир Зеленский; Krivoi Roh, 25 de janeiro de 1978) é um político, roteirista, ator e diretor ucraniano, atual presidente da Ucrânia desde 2019.[7][6] Zelenski tornou-se popular no seu país por interpretar a personagem principal de uma série de televisão.[13][14] Em 2019, concorreu à presidência do seu país, sendo o candidato mais votado no primeiro turno e classificando-se para o segundo turno, previsto para o dia 21 de abril, com o presidente incumbente Petro Poroshenko.[15][16]

Nascido no sudeste da Ucrânia, Zelenski é filho de pais judeus.[8][17] Estudou na Universidade Nacional Económica de Kiev, de onde graduou-se em Direito, mas nunca exerceu atividades no campo jurídico.[18][19] Iniciou a sua carreira artística aos 17 anos, numa competição de comédia.[8][18] Ficou conhecido entre os ucranianos ao participar no show Dança dos Famosos, em 2006.[20][21] Em 2015, Zelenski tornou-se a estrela da popular série de televisão Servo do Povo, na qual ocupou o papel de presidente da Ucrânia.[22][23] Vladimir Zelenski era um dos atores do programa comediante ucraniano "Kiev à tarde", obtendo popularidade a partir da mesma. Vladimir satirizava a realidade ucraniana e o ultranacionalismo ucraniano, pois defendia que a Ucrânia era um país multilingue e apoiava a proteção da língua russa (popular no leste da Ucrânia) e de outras línguas minoritárias do oeste ucraniano. Apesar deste apoio, Vladimir em uma das suas atuações apoiou o exército ucraniano, dizendo: "Obrigado por nos defenderem destes diabos"[24] [25]Apesar desta frase, Vladimir é bastante popular na Rússia por ser falante da lingua russa (em público).

Zelenski apoiou o movimento Euromaidan e o exército ucraniano durante a Guerra Civil no Leste do país.[26] A 31 de dezembro de 2018, anunciou a sua candidatura à presidência. Durante a campanha, apresentou um discurso populista, de renovação e anticorrupção.[27][28] A sua ascendência nas pesquisas foi fruto da rejeição às elites e políticos, vistos por boa parte da população como incapazes de superar as dificuldades económicas e os escândalos de corrupção.[29][30][31][32] No primeiro turno, a 31 de março, recebeu 30% dos votos, contra 16% de Poroshenko e 13% de Iúlia Timochenko.[33] Acabou sendo facilmente eleito no segundo turno.[34]

Referências

  1. a b «Зеленський Володимир Олександрович». 2019ua. 2019. Consultado em 2 de abril de 2019 
  2. «Ator Volodymyr Zelenskiy eleito presidente». A Bola. 22 de abril de 2019. Consultado em 2 de Maio de 2019 
  3. «Eleição presidencial na Ucrânia tem comediante como favorito e incógnita sobre a vizinha Rússia». G1. 30 de março de 2019. Consultado em 2 de abril de 2019 
  4. a b «Ukrainian Comedian Volodymyr Zelensky leads polls». Pen News. 1 de abril de 2019. Consultado em 2 de abril de 2019 
  5. a b «Zelenski e Poroshenko disputarão 2º turno na Ucrânia, segundo pesquisas». EFE. Uol. 31 de março de 2019. Consultado em 2 de abril de 2019 
  6. a b c «Meet the comedian who could soon be president of Ukraine». Gulf News Europe. 1 de abril de 2019. Consultado em 2 de abril de 2019 
  7. a b Leonid Bershidsky (10 de janeiro de 2019). «This Comedy Star Wants to Be Ukraine's Donald Trump». Bloomberg. Consultado em 2 de abril de 2019 
  8. a b c Jackie Fox (1 de abril de 2019). «Who is the Ukrainian comedian running for president?». RTE. Consultado em 2 de abril de 2019 
  9. «Profiles of three frontrunners of Ukraine's presidential election». Xinhua. 29 de março de 2019. Consultado em 2 de abril de 2019 
  10. «Volodymyr Zelensky, o ator de comédia que pode vir a ser presidente da Ucrânia». MadreMedia / AFP. Sapo24. 30 de março de 2019. Consultado em 2 de abril de 2019 
  11. a b «Biết gì về diễn viên hài dẫn đầu bầu cử Ukraine?». PhaPluat. 2 de abril de 2019. Consultado em 2 de abril de 2019 
  12. «Profiles of Ukrainian presidential race frontrunners». Russian News Agency. 27 de março de 2019. Consultado em 2 de abril de 2019 
  13. Roman Olearchyk (2019). «Volodymyr Zelensky on track to win first round in Ukraine poll». Financial Times. Consultado em 2 de abril de 2019 
  14. Andrea Kannapell e Hiroko Masuike (1 de abril de 2019). «Security Clearances, Nipsey Hussle, April Fools': Your Monday Evening Briefing». The New York Times. Consultado em 2 de abril de 2019 
  15. Yuliya Talmazan (1 de abril de 2019). «Comedian Volodymyr Zelensky leads Ukraine's presidential vote». NBC News. Consultado em 2 de abril de 2019 
  16. Nathan Hodge, Anna-Maja Rappard e Jack Guy (1 de abril de 2019). «Comedian Volodymyr Zelensky takes big lead in Ukraine elections». CNN. Consultado em 2 de abril de 2019 
  17. Eldad Beck (31 de março de 2019). «Jewish Ukrainian actor leads country's presidential race». Israel Hayom. Consultado em 2 de abril de 2019 
  18. a b «VLADIMIR ZELENSKIY». Kvartal 95. Consultado em 2 de abril de 2019 
  19. «Russian millions and oligarch Kolomoisky: Secrets of Ukraine's wannabe prez Zelensky». 112 UA. 26 de fevereiro de 2019. Consultado em 2 de abril de 2019 
  20. Owen Matthews (28 de março de 2019). «In Ukraine's presidential elections, life is imitating Netflix». Spectator USA. Consultado em 2 de abril de 2019 
  21. «Vladimir Zelensky: a small, but very charismatic artist with a unique voice». Intersting News. 14 de dezembro de 2018. Consultado em 2 de abril de 2019 
  22. Annabelle Timsit (29 de março de 2019). «A comedian who played the president on TV could become Ukraine's actual president». Quartz. Consultado em 2 de abril de 2019 
  23. Andrew E. Kramer (16 de março de 2019). «He Played a President on Ukrainian TV. Now He Wants the Real Thing.». The New York Times. Consultado em 2 de abril de 2019 
  24. «Зеленський представив свою команду». Verdade Ucraniana (em ucraniano) 
  25. «Зеленский — назвал ополченцев и тех кто их поддерживает мразью» 
  26. «Зеленський заявив про рішення йти у президенти (відео)». UNIAN. 1 de janeiro de 2019. Consultado em 1 de abril de 2019 
  27. «Comediante lidera votação à presidência da Ucrânia». Agência France-Presse. MoneyTimes. 1 de abril de 2019. Consultado em 1 de abril de 2019 
  28. Melanie G. Mierzejewski-Voznyak (26 de março de 2019). «Ukraine's Presidential Election and the Future of its Foreign Policy». Foreign Policy Researh Institute. Consultado em 1 de abril de 2019 
  29. «Comediante vence 1º turno da eleição presidencial na Ucrânia». Agência France-Presse. Correio Braziliense. 1 de abril de 2019. Consultado em 1 de abril de 2019 
  30. Igor Gielow (29 de março de 2019). «Onda antipolítica leva humorista a ser o favorito à presidência da Ucrânia». Folha de S. Paulo. Consultado em 1 de abril de 2019 
  31. «Comediante lidera pesquisa eleitoral para presidente da Ucrânia». Folha de S. Paulo. 8 de fevereiro de 2019. Consultado em 1 de abril de 2019 
  32. Nadjejda Vicente (29 de março de 2019). «Ucranianos vão às urnas para escolher entre velha e nova política». EFE. Uol. Consultado em 2 de abril de 2019 
  33. «Ukraine election: Comedian leads presidential contest». BBC. 1 de abril de 2019. Consultado em 1 de abril de 2019 
  34. «Comediante Volodymyr Zelenskiy é eleito presidente da Ucrânia». G1. 21 de abril de 2019. Consultado em 21 de abril de 2019