David Diamond

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
David Diamond
Nascimento 9 de julho de 1915
Rochester
Morte 13 de junho de 2005 (89 anos)
Condado de Monroe
Cidadania Estados Unidos
Alma mater Escola de Música Eastman
Ocupação compositor, roteirista
Prêmios Bolsa Guggenheim, Prêmio de Roma americano, National Medal of Arts
Empregador Juilliard School
Causa da morte ataque cardíaco

David Leio Diamond foi um compositor estadounidense de música clássica nascido em 9 de julho de 1915 e falecido a 13 de junho de 2005.

Nasceu em Rochester, Nova York e estudou no Cleveland Institute of Music e no Eastman School of Music baixo a supervisão de Bernard Rogers.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Em 1934 foi a Nova Yorque com uma bolsa, para estudar com Paul Boepple e Roger Sessions até a primavera de 1936.[1]

Ganhador de vários prêmios (entre eles três bolsas Guggenheim) está considerado um dos compositores estadounidenses mais prominentes de sua geração.

Pela sua condição de judeu e homossexual, considerava que sua carreira se viu freada pela homofobia e o antisemitismo.

Diamond faleceu em sua casa de Brighton de uma insuficiência cardíaca.

Obras[editar | editar código-fonte]

Entre suas obras há que assinalar onze sinfonias, três concertos para violin, onze quartetos de corda e outras obras para sopro ou para piano, ainda que sua obra mais popular seja Rounds (1944) para orquestra de cordas.

  • Ballet
    • Tom (1936)
  • Orquestra
    • Sinfonías
      • Sinfonía N º 1 (1940)
      • Sinfonía N º 2 (1942-1943)
      • Sinfonía N º 3 (1945)
      • Sinfonía N º 4 (1945)
      • Sinfonía N º 5 (1947-1964)
      • Sinfonía N º 6 (1951)
      • Sinfonía N º 7 (1957)
      • Sinfonía N º 8 (1958-1960)
      • Sinfonía N º 9 (1985)
      • Sinfonía N º 10 (1980)
      • Sinfonía N º 11 (1989-1991)
    • Salmos (1936)
    • Rodadas para orquestra de cordas (1944)
  • Concertante
    • Concerto para violín N º 1 (1937)
    • Concerto da Pequena Orquestra (1940)
    • Concerto para violín N º 2 (1947)
    • Concerto para violín N º 3 (1976)
    • Kaddish, para cello e orquestra (1987)
  • Câmara
    • Quarteto de Sensatas N º 1 (1940)
    • Quarteto de Sensatas N º 2 (1943-4)
    • Quarteto de Sensatas N º 3 (1946)
    • Quarteto de Sensatas N º 4 (1951)
    • Quarteto de Sensatas N º 5 (1960)
    • Quarteto de Sensatas N º 6 (1962)
    • Quarteto de Sensatas N º 7 (1943)
    • Quarteto de Sensatas N º 8 (1964)
    • Quarteto de Sensatas N º 9 (1965-1967)
    • Quarteto de Sensatas N º 10 (1956)
  • Outras
    • Tantivy (1988)
    • Música corações (1989)
  • Vocal
  • Filmes

Referências

  1. «peermusicclassical.com» (em espanhol). Consultado em 4 de março de 2010 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]