Edmund Cobb

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Edmund Cobb
Edmund Cobb em The Desert Scorpion, em 1920
Nome completo Edmund Fessenden Cobb
Outros nomes Ed Cobb
Eddie Cobb
Edmind F. Cobb
Edmond Cobb
Edmund F. Cobb
Edward C. Cobb
Edward Cobb
Edwin F. Cobb
Edwin Cobb
Hector A. Cobb
Edmund F.
Nascimento 23 de junho de 1892
Albuquerque, Novo México, EUA
Nacionalidade Estados Unidos Norte-americana
Morte 15 de agosto de 1974 (82 anos)
Woodland Hills, Los Angeles, Califórnia, EUA
Ocupação ator
Atividade 1912-1966
Cônjuge Helen Hayes (1914-1925) (divorciados)
Vivian Marie Winter (?-1974) (morte dela)
IMDb: (inglês)

Edmund Fessenden Cobb (23 de junho de 189215 de agosto de 1974)[1] foi um ator estadunidense que atuou desde a era do cinema mudo até os anos 1960. Com uma imensa filmografia, atuou em 623 filmes entre 1912 e 1966, entre curta-metragens, filmes longos, seriados e séries de televisão.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Cobb nasceu em Albuquerque, Novo México, filho de William Henry Cobb (1860-1909) e Edwinna (Eddie) Ross (1862-1945), foi neto de Edmund Gibson Ross (1826-1907, Governador do Território do Novo México e Senador pelo Kansas.

Os pais de Edmund F. Cobb tinham um estúdio de fotografia em Albuquerque, Novo México e em algumas fotografias Edmund aparece vestido como um cowboy (um datado de dezembro de 1911), vestido com um uniforme de soldados da época da Guerra Civil, e em pé ao lado de um automóvel dos anos 1920 e 1930. Tais fotos estão no Museum of New Mexico, no Palácio do Governadores.

Edmund Fessenden Cobb tinha duas irmãs, Susan Ross Cobb (1894-1987) e Daphne M. Cobb (1898-1928) e um irmão, Wilfred B. Cobb (1901-1982).

Carreira cinematográfica[editar | editar código-fonte]

Cobb em Wolves of the Street (1920).
Cobb e Gretchen Wood em uma cena do filme The Desert Scorpion (1920).

O primeiro filme de Cobb foi o curta-metragem A Pueblo Legend,[2] em 1912, produzido pela Biograph Company, estrelado por Mary Pickford e dirigido por D. W. Griffith. Em 1913, já pela Lubin Manufacturing Company, faria o drama His Blind Power, em 1913. Fez então curta-metragens para a Lubin, Colorado Motion Picture, Pike's Peak Photoplay Company e finalmente para a Essanay Film Manufacturing, onde atuou em vários curta-metragens. Em 1916 fez seu primeiro seriado, o único da Essanay, The Strange Case of Mary Page, ao lado de Henry B. Walthall e Edna Mayo. Continuou a fazer curta-metragens pela Essanay, e a partir de 1916, atuou pela Fine Arts Film Company, Peerless Productions, World Film, American Film Company, Hallmark Pictures Corporation e Universal Pictures. Atuou depois para a Art-O-Graph Film Company, onde fez Out of the Depths (1921) e Riders of the Range (1923). Atuou ainda para a Ben Wilson Productions, com The Law Rustlers (1923), para a Vitagraph Company e a Ashton Dearholt Productions.

Atuou ainda em muitos seriados posteriores, tais como Days of '49 (1924) para a Wild West Productions e Fighting With Buffalo Bill (1926), para a Universal Pictures, seriado em que interpretou Buffalo Bill. Atuou no primeiro seriado totalmente falado, The Indians Are Coming, em 1930, para a Universal. Atuou em diversos Westerns B e curta-metragens a partir dos anos 1920, e a partir dos anos 1930, passou a fazer papeis coadjuvantes e muitas vezes não creditados, tanto em seriados quanto em westerns ao lado de cowboys como Hoot Gibson, Ken Maynard Buck Jones e Tom Mix.

Atuou através dos anos 1940, 1950 e 1960, alcançando uma filmografia imensa e variada, muitas vezes não-creditado, com mais de 600 filmes. Nos anos 1960 atuou em episódios de séries de televisão, tais como The Life and Legend of Wyatt Earp e Bat Masterson. Sua última atuação, não-creditada, foi em Johnny Reno, em 1966.[3]

Vida familiar[editar | editar código-fonte]

Edmund casou com a primeira esposa, Helen Hayes, filha de Charles T. Hayes e Martha B. Marshall, por volta de 1914, e sua filha, Eddie Marie Cobb (1915-1969), nasceu em Illinois. Em 1920, Edmund e Helen estavam vivendo em Denver, Colorado, conforme listaram na época suas ocupações como ator e atriz. Edmund Cobb e Helen Hayes atuaram juntos em A Rodeo Mixup (1924) e Riders of the Range. Edmund e Helen divorciaram-se em 1925, quando sua filha tinha uns 10 ou 12 anos, e ambos voltaram a se casar. O segundo casamento de Helen foi com um Sr. Jackson, como sua segunda esposa, e Helen morreu por volta de 1932.

A segunda esposa de Edmund, Vivian Marie Winter, nasceu a 16 de janeiro de 1894, em Wisconsin, e ambos morreram no Motion Picture and Television Hospital em 1974.[4]

Morte[editar | editar código-fonte]

Cobb morreu no Motion Picture and Television Hospital, em Woodland Hills, Los Angeles, e está sepultado no Valhalla Memorial Park Cemetery.[5]

Filmografia parcial[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Notas e referências[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Edmund Cobb