Enrico Casarosa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Enrico Casarosa
Nascimento 20 de novembro de 1971 (51 anos)
Génova, Liguria, Itália
Residência São Francisco
Nacionalidade Italiano
Cidadania Itália
Cônjuge Marit Casarosa
Filho(s) Fio Casarosa
Alma mater School of Visual Arts
Fashion Institute of Technology
Ocupação Cineasta, Artista de storyboard, Roteirista
Empregador Pixar Animation Studios (2002–presente)
Obras destacadas Luca

Enrico Casarosa (Gênova, Itália, 20 de novembro de 1971) é um cineasta, roteirista, artista de storyboard e ilustrador italiano. Como reconhecimento, foi nomeado ao Oscar 2012 na categoria de Melhor Animação em Curta-metragem por La Luna.[1] Em 2022, foi indicado ao Oscar de Melhor Filme de Animação por Luca.

Início da vida[editar | editar código-fonte]

Casarosa nasceu em Gênova, Itália, e mudou-se para Nova Iorque aos vinte e poucos anos, para estudar animação na Escola de Artes Visuais e Ilustração na Fashion Institute of Technology.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Ele então trabalhou como designer de fundo e artista de storyboard em várias séries de televisão do Disney Channel, incluindo 101 Dálmatas: A Série e PB&J Otter.[2] Antes de ingressar na Pixar, Casarosa trabalhou como artista de storyboard na Blue Sky Studios em A Era do Gelo.

Em 2002, Casarosa ingressou na Pixar, onde trabalhou como artista de storyboard em Carros, Ratatouille, Up - Altas Aventuras e Carros 2.[3] No final de 2004, Casarosa iniciou uma comunidade de maratonas de desenhos chamada SketchCrawl e vem organizando o evento desde então.[4] Em 2011, seu curta-metragem La Luna estreou no Festival de Cinema de Animação de Annecy, na França[5], e foi lançado nos cinemas junto de Valente, em 2012.[6]

Ele então trabalhou como chefe de história em O Bom Dinossauro quando Bob Peterson estava dirigindo o projeto no começo de 2011, e como artista de storyboard em Viva: A Vida É uma Festa.[7]

Mais recentemente, Casarosa dirigiu o filme Luca, lançado no Disney+ em 18 de junho de 2021, nos Estados Unidos.[8] [9] O filme recebeu críticas geralmente positivas dos críticos por sua sensação nostálgica e atuação e o filme ganhou um prêmio da Hollywood Critics Association de Melhor Filme.

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Longas-metragens[editar | editar código-fonte]

Ano Título Diretor Escritor Supervisor de história Artista de storyboard Outro Dublador Notas
2002 A Era do Gelo Não Não Não Sim Não
2005 Robôs Não Não Não Sem créditos Não
2006 Carros Não Não Não Sem créditos Não [10]
2007 Ratatouille Não Não Não Sim Não
2009 Up - Altas Aventuras Não Não Não Sim Não
2011 Carros 2 Não Não Não Sim Não
2015 O Bom Dinossauro Não Não Adicional Não Não Supervisão de História Adicional
2017 Viva: A Vida É uma Festa Não Não Não Sim Sim Equipe criativa sênior da Pixar
2018 Os Incríveis 2 Não Não Não Não Sim
2019 Toy Story 4 Não Não Não Não Sim
2020 Dois Irmãos: Uma Jornada Fantástica Não Não Não Não Sim
Soul Não Não Não Não Sim Equipe criativa sênior da Pixar
2021 Luca Sim História Não Não Sim Jogador de cartas / Pescador irritado
2022 Red: Crescer é uma Fera Não Não Não Não Sim
Lightyear Não Não Não Não Sim Equipe criativa sênior da Pixar

Curtas-metragens[editar | editar código-fonte]

Ano Título Diretor Escritor Artista de storyboard Produtor Executivo
2011 La Luna Sim Sim Não Não
2016 Piper Não Não Sim Não
2021 Ciao Alberto[11] Não Não Não Sim

Séries de televisão[editar | editar código-fonte]

Ano Título Função
1996 Princess Gwenevere and the Jewel Riders 13 episódios

Designer de plano de fundo, revisão de storyboard

1997-1998 101 Dálmatas: A Série 23 episódios

Artista de storyboard, artista de revisão de storyboard, designer

1998–2000 PB&J Otter 18 episódios

Artista de fundo, artista de storyboard

Projetos especiais[editar | editar código-fonte]

Em 2008, Enrico Casarosa (junto com Ronnie del Carmen, Daisuke Tsutsumi e Yukino Pang) iniciou o Totoro Forest Project, uma exposição/leilão de angariação de fundos para apoiar a Totoro Forest Foundation, sem fins lucrativos. Esta iniciativa também produziu um livro de arte correspondente, reimprimindo as várias peças contribuídas e incluiu nomes como James Jean, Charles Vess, Iain McCaig e William Joyce, entre outros.[12]

Referências

  1. «2012 Oscar nominees». CBS. 15 de fevereiro de 2012. Consultado em 3 de março de 2019 
  2. «Get To Know 'La Luna' Director Enrico Casarosa». The Pixar Times (em inglês). 6 de maio de 2011. Consultado em 24 de julho de 2022 
  3. «Oscar 2012: Pixar's Enrico Casarosa and Kevin Reher Talk 'La Luna'». Animation World Network (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2022 
  4. «SketchCrawl™ - drawing marathons from around the world» (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2022 
  5. «La Luna – the poster | Enrico's blog». web.archive.org. 8 de agosto de 2017. Consultado em 24 de julho de 2022 
  6. «The 84th Academy Awards | 2012». Oscars.org | Academy of Motion Picture Arts and Sciences (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2022 
  7. «Pixar's Luca Interview: Enrico Casarosa And Andrea Warren». ScreenRant (em inglês). 28 de abril de 2021. Consultado em 24 de julho de 2022 
  8. Desowitz, Bill; Desowitz, Bill (30 de julho de 2020). «Pixar Sets Summer 2021 Release for Italian Coming-of-Age 'Luca' Feature». IndieWire (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2022 
  9. Rubin, Rebecca; Rubin, Rebecca (30 de julho de 2020). «Pixar Shares Details About Next Original Film 'Luca'». Variety (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2022 
  10. Beck, Jerry (14 de fevereiro de 2012). «Oscar Focus: Enrico Casarosa Talks "La Luna"». Cartoon Brew (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2022 
  11. T.J (21 de setembro de 2021). «'Luca' Short Film 'Ciao Alberto' Premiering November 12 During Disney+ Day». Pixar Post (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2022 
  12. «The Totoro Forest Project – Lines and Colors» (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2022 
Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) cineasta é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.