Futebol na Espanha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Uma das primeiras bolas de futebol (1924).

O futebol é considerado o esporte mais popular na Espanha. É o que tem mais jogadores federados (692.094 em [[201 6]]) e o segundo mais praticado a nível popular e recreativo (em 2005 o praticavam 31,7% dos espanhóis), segundo um estudo do Conselho Superior de Esportes do Ministério da Educação e Ciência.[1]

Os maiores campeões espanhóis são com Real Madrid com 96 títulos, seguidos de Barcelona com 89 títulos, Atlético de Madrid com 31 títulos, Athletic Bilbao com 34 títulos e Valencia com 24 títulos.[2]

História[editar | editar código-fonte]

O futebol moderno foi introduzido na Espanha no final do século XIX por uma combinação de trabalhadores imigrantes britânicos, marinheiros visitantes e estudantes espanhóis vindos da Grã-Bretanha..[3][4][5]

Os clubes de futebol mais antigos da Espanha são o Recreativo de Huelva e o Sevilla FC.[6][7][8][9] Embora o Gimnàstic de Tarragona tenha sido formado em 1886, o clube não formou um time de futebol real até 1914. O primeiro jogo oficial de futebol disputado na Espanha ocorreu em Sevilha, em 8 de março de 1890, no Hipódromo de Tablada. O Sevilla FC jogou contra o Recreativo de Huelva. Com exceção de dois jogadores espanhóis no time de Huelva e outros dois jogadores no time de Sevilha, todos os jogadores de ambos os lados eram britânicos. O Sevilla FC venceu por 2-0.[10]

Seleção Espanhola de Futebol (La Roja)[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Seleção Espanhola de Futebol

Na Espanha, as equipes regionais, principalmente o time de futebol da Catalunha, o time de futebol do País Basco e até o time de futebol da Galiza, começaram a competir entre si a partir de 1915. Apesar de não serem oficialmente reconhecidas pela FIFA, essas equipes regionais ainda jogam amistosos com alguns jogadores da seleção nacional jogando pelas duas equipes. Alguns governos autônomos e setores sociais nas comunidades históricas (especialmente na Catalunha e no País Basco) preferem chamar suas equipes regionais de seleções nacionais, ao mesmo tempo em que afirmam participar de torneios internacionais.[11]

Celebração da vitória na Copa do Mundoem Madrid. 12 de julho 2010.

A seleção da Espanha, conhecida como La selección (em inglês: The selection) ou La Roja (em inglês: The Red), estreou internacionalmente nos Jogos Olímpicos de 1920 na Bélgica e conquistou a medalha de prata.[12][13] Desde então, a seleção espanhola participou de um total de quinze das vinte e uma Copas do Mundo da FIFA e nove dos quatorze do Campeonato da Europa da UEFA. Historicamente, a seleção espanhola não alcançou resultados importantes em termos de troféus nem desenvolveu um estilo de jogo atraente. Surpreendentemente, esse fato contrasta com o enorme sucesso obtido pelos principais clubes de futebol espanhóis no nível europeu. No entanto, os triunfos da seleção espanhola em 2008 e 2012 no Campeonato Europeu e na Copa do Mundo da FIFA 2010, com um estilo de jogo atraente, marcaram um ponto de inflexão que dividiu a história da seleção espanhola em duas partes.

A seleção espanhola de futebol foi a vencedora da equipe do ano da FIFA em 2008, 2009, 2010, 2011, 2012 e 2013, bem como a vencedora do Laureus World Sports Award por equipe do ano em 2011.

A seleção espanhola de futebol ganhou quatro troféus nos torneios da FIFA e da UEFA: uma Copa do Mundo da FIFA em 2010 e três do Campeonato da Europa de 1964, 2008 e 2012. Além disso, foi vice-campeã do Campeonato da Europa de 1984 e na Copa das Confederações da FIFA em 2013.

Competições de clubes de futebol[editar | editar código-fonte]

Atualmente, as três competições mais importantes entre clubes da Espanha são La Liga (em inglês: League), a Copa del Rey (em inglês: King's Cup) e a Supercopa de España (em inglês: Spanish Supercup). Outras competições extintas foram a Copa da Liga, a Copa Eva Duarte e a Copa do Presidente da Federação Espanhola de Futebol. Até um total de dezesseis clubes foram vencedores de algumas das competições oficiais da Espanha ao mais alto nível, e o FC Barcelona é o clube mais premiado com setenta e quatro títulos nacionais.

O sistema da liga espanhola de futebol consiste em várias ligas ligadas hierarquicamente por promoção e rebaixamento. Além disso, a Taça da Federação Real Espanhola é uma competição de futebol para equipes da Segunda Divisão B, da Divisão Tercera e, às vezes, do Preferente Regional que não se classificaram ou foram eliminadas na primeira rodada da Copa del Rey.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. deportes más practicados Csd
  2. «CAMPEÕES DA ESPANHA - (1ª DIVISÃO)». campeoesdofutebol. Consultado em 04 de julho de 2014  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  3. Jae Allen. «The history of football in Spain». Livestrong.com. Consultado em 20 de agosto de 2015 
  4. Juan A. Gisbert. «Total Football: History of Spanish football (I): The Origins». tikitaka-futbol. Consultado em 24 de agosto de 2015. Cópia arquivada em 20 de fevereiro de 2016  Parâmetro desconhecido |url-status= ignorado (ajuda)
  5. Sam Attard. «A history of La Liga and Spanish football». Espagnol.com. Consultado em 21 de agosto de 2015 
  6. «The British Newspaper Archive». The British Newspaper Archive. Consultado em October 5, 2012  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  7. «The Courier». The Courier. Consultado em February 7, 2013. Cópia arquivada em February 13, 2013  Parâmetro desconhecido |url-status= ignorado (ajuda); Verifique data em: |acessodata=, |arquivodata= (ajuda)
  8. «Marca». Marca. Consultado em October 9, 2012  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  9. «Evening Times». Evening Times. Consultado em October 11, 2012  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  10. Erro de citação: Etiqueta <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs de nome Gisbert2
  11. Ian Hawkey. «Catalonia and Basque Country reignite call for independent national identities». The Telegraph. Consultado em 20 de agosto de 2015 
  12. Erro de citação: Etiqueta <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs de nome Sam Attard2
  13. Erro de citação: Etiqueta <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs de nome furia roja

Leitura adicional[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Notas e referências