Girassol

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para o distrito brasileiro, veja Girassol (distrito).
Como ler uma caixa taxonómicaHelianthus
Girassol (Helianthus annuus), planta anual da família das Asteraceae.

Girassol (Helianthus annuus), planta anual da família das Asteraceae.
Classificação científica
Reino: Plantae
Clado: angiospérmicas
Clado: eudicotiledóneas
Ordem: Asterales
Família: Asteraceae
Género: Helianthus
L.
Espécie: H. annuus
Nome binomial
Helianthus annuus

O girassol (Helianthus annuus) é uma planta anual da família das Asteraceae.

Descrição[editar | editar código-fonte]

É caracterizada por possuir grandes inflorescências do tipo capítulo - com aproximadamente 30 cm de diâmetro - cujo caule pode atingir até 3 metros de altura e apresenta filotaxia [1] do tipo oposta cruzada, notável por "olhar" para o Sol, comportamento vegetal conhecido como heliotropismo.[2]

História[editar | editar código-fonte]

Os girassóis são plantas originárias da América do Norte cultivada pelos povos indígenas para alimentação, foram domesticadas por volta do ano 1000 a.C..[3] Francisco Pizarro encontrou diversos objetos incas e imagens moldadas em ouro que fazem referência aos girassóis como seu deus do Sol. O Girassol recebe esse nome porque sua flor acompanha a trajetória do sol, do nascente ao poente.

Mitos e crendices[editar | editar código-fonte]

O girassol é uma flor simbólica que significa fama, sucesso, sorte e felicidade.[4] [5]

Na Hungria, acredita-se que a semente do girassol cura infertilidade, e sementes colocadas na beira da janela, em uma casa onde exista uma mulher grávida, o filho será homem.[5]

Na Espanha, para se ter sorte são necessários onze girassóis.[5]

A flor pode ser considerada a planta-símbolo do Novo Milênio.[6]

O girassol é um símbolo da páscoa, apesar de poucas pessoas saberem. Girassol é um dos símbolos pascais menos conhecidos em algumas regiões. É, porém, muito rico em conteúdo: assim como para sobreviver a planta precisa ter sua corola voltada para o sol, do nascente ao poente, segundo os cristãos, os seres humanos devem estar voltados para o Sol-Cristo garantindo a luz e a felicidade.

Emblem-scales.svg
A neutralidade deste(a) artigo ou se(c)ção foi questionada, conforme razões apontadas na página de discussão.
Justifique o uso dessa marca na página de discussão e tente torná-lo mais imparcial.

[carece de fontes?]

Utilização[editar | editar código-fonte]

Plantação de girassóis em Fargo, Dakota do Norte, Estados Unidos.

Dos seus frutos, popularmente chamados sementes, é extraído o óleo de girassol que é comestível. A produção mundial ultrapassa 20 milhões de toneladas anuais de grão.[7]

A semente também é usada na alimentação de pássaros em cativeiro[7] além de ser uma das mais utilizadas na alimentação viva.

A sua flor é comercializada como flor de corte. Existem dois grupos de variedades importantes: uniflor com haste única e uma flor terminal; multiflor com flores menores que com ramos desde a base que são mais utilizadas na confecção de bouquet.[8] [9]

A semente do girassol tem sido utilizada no Brasil na produção de biodiesel.[10] [11]

Tem sido também uma boa alternativa para alimentação de gado, em substituição a outros grãos.[12] [13]

As suas folhas podem inibir o crescimento de plantas daninhas através do fenômeno alelopatia.[14]

Notas e referências

  1. «Morfologia Externa e Anatomia da Folha». Herbário. Consultado em 21-agosto-2008. 
  2. «Influência da orientação foliar e da disponibilidade hídrica na intercepção da radiação solar» (PDF). Universidade Federal do Rio de Janeiro. Consultado em 21-agosto-2008. 
  3. «Balanço energético» (PDF). Embrapa. Consultado em 20-agosto-2008. 
  4. «Fitoterapia ocidental - Girassol muitos significados». Floricultura Zabelê. Consultado em 20-agosto-2008. 
  5. a b c «Girassol mitos e lendas». Portal das curiosidades. 
  6. «Cultivo». Floresta site. Consultado em 20-agosto-2008. 
  7. a b «O Girassol (Hellianthus annuus)». Agro byte. Consultado em 20-agosto-2008. 
  8. «O Girassol (Hellianthus annuus) para Flor de Corte». Ministério da Agricultura. Consultado em 20-agosto-2008. 
  9. «La vem o sol». Revista Encontro. Consultado em 20-agosto-2008. 
  10. «Com insucesso da mamona Petrobras aposta no girassol[[Wikipédia:Ligação inativa|[ligação inativa]]][[Categoria:!Artigos com ligações inactivas]]». Diário de Natal. Consultado em 20-agosto-2008.  Ligação wiki dentro do título da URL (Ajuda)
  11. «O Girassol como Alternatica (sic) de Combustível». Embrapa - Roraima. Arquivado desde o original em 24 de setembro de 2013. Consultado em 20-agosto-2008. 
  12. «Girassol uma planta versátil». Cati - São Paulo. Consultado em 20-agosto-2008. 
  13. «Avaliação do potencial do girassol como planta forrageira» (PDF). Editora Ufla - Ciênc. agrotec., Lavras. Edição Especial, p.1548-1553, dez., 2002. Consultado em 20-agosto-2008. 
  14. «Plantas daninhas». Embrapa. Consultado em 20 de agosto de 2008. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Wikcionário Definições no Wikcionário
Commons Imagens e media no Commons
Wikispecies Diretório no Wikispecies
Ícone de esboço Este artigo sobre asteráceas, integrado no Projeto Plantas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.