Hans Memling

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Hans Memling
Memling30.jpg

Autoretrato no Retábulo de John Donne de Kidwelly (imagem abaixo), na National Gallery, Londres

Nascimento
Morte
Nome no idioma nativo
Hans Memling
Atividades
estudante
Local de trabalho
Movimento
Influências
Área
'Magnum opus'

Hans Memling (Seligenstadt, 1430/1440Bruges, 1494) foi um dos mais notáveis pintores alemães.

Viveu a maior parte de sua vida em Flandres, na Bélgica. Foi ignorado pela historiografia de arte até meados do século XIX, quando o seu nome se tornou conhecido.

No início da sua vida artística, passou algum tempo na cidade de Colónia, na Alemanha, onde os especialistas crêem que Memling tenha estudado. Porém, em 1466, Memling viajou para Bruges, onde se tornou aluno de Rogier van der Weyden. A partir daqui, a influência, não só de Van der Weyden, como de outros artistas flamengos (como Dirck Bouts) tornou-se proeminente na obra de Hans Memling.

Na sua obra, predominam as composições religiosas e famosos retratos. Ao longo da sua vida, o seu estilo pouco mudou. Este facto veio a dificultar a classificação cronológica dos seus quadros. Entre as suas mais famosas obras, contam-se Retrato de uma anciã e Santo Estêvão.

Obras de Memling[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Lista de obras de Hans Memling

Alguns museus onde se podem encontrar obras de Memling[editar | editar código-fonte]

Hoje em dia, as obras de Hans Memling encontram-se expostas em museus do mundo inteiro, como em:

Galeria[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Projetos relacionados[editar | editar código-fonte]