John Blaha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
John Blaha
Nome completo John Elmer Blaha
Nascimento 26 de agosto de 1942 (77 anos)
San Antonio, Estados Unidos
Nacionalidade Estados Unidos norte-americano
Cônjuge Brenda Walters
Alma mater Academia da Força Aérea
dos Estados Unidos

Universidade Purdue
Ocupação
Serviço militar
Serviço Força Aérea dos Estados Unidos
Anos de serviço 1965–1997
Patente coronel
Conflitos Guerra do Vietnã
Condecorações Legião do Mérito
Cruz de Voo Distinto (2)
Medalha do Ar (18)
Entre outras
Carreira espacial
Astronauta da NASA
Tempo no espaço 161d 02h 45min
Seleção Grupo 9 da NASA 1980
Missões
Insígnia da missão Sts-29-patch.png Sts-33-patch.png Sts-43-patch.png Sts-58-patch.png Sts-79-patch.jpgMir insignia.svg Sts-81-patch.png
Aposentadoria 1997
Prêmios Medalha de Serviço
Distinto da NASA
(2)

John Elmer Blaha (San Antonio, 26 de agosto de 1942) é um astronauta norte-americano.

Formado pela Academia da Força Aérea dos Estados Unidos em 1965 e pela Universidade Purdue em 1966, foi qualificado como piloto em 1967 e serviu na Guerra do Vietnã, participando de 361 missões de combate em diversos tipos de jatos. Depois da guerra foi piloto de testes na Base Aérea de Edwards e da Real Força Aérea do Reino Unido, onde ficou baseado por três anos.[1]

NASA[editar | editar código-fonte]

Blaha foi selecionado como astronauta em maio de 1980 e participou de cinco missões espaciais, num total de 161 dias em órbita. Foi o piloto de suas duas primeiras missões, a STS-29 do Discovery em março de 1989 e a STS-33, também na Discovery, em novembro do mesmo ano. Depois, como comandante, voou nas missões STS-43 do Atlantis em agosto de 1991 e STS-58 Columbia em outubro de 1993. [1]

Sua mais longa estadia no espaço aconteceu em 1996, quando foi ao espaço em setembro para fazer parte de tripulação rotativa permanente da estação russa Mir, para onde foi lançado em setembro com a tripulação da STS-79 no Atlantis, depois de um ano de treinamento na Cidade das Estrelas, na Rússia, no Centro de Treinamento de Cosmonautas Yuri Gagarin, onde aprendeu o russo e familiarizou-se com o funcionamento das naves russas.

Na Mir, como engenheiro de bordo, ele realizou pesquisas científicas diversas com os outros componentes russos da tripulação durante quatro meses. Voltou à terra em janeiro de 1997 com a tripulação da STS-81 no Atlantis.[1]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c «Bio» (PDF). NASA. Consultado em 22 maio 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]