John Herrington

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
John Herrington
Nascimento 14 de setembro de 1958 (62 anos)
Wetumka, Oklahoma,
Estados Unidos
Serviço militar
Patente Capitão, MEU
Carreira espacial
Astronauta da NASA
Tempo no espaço 13d 18h 47m[1]
Seleção Grupo 16 da NASA 1996
Tempo de AEV 19h 55m[2]
Missões STS-113
Aposentadoria 2005[1]

John Bennett Herrington (Wetumka, 14 de setembro de 1958) é um astronauta norte-americano e o primeiro descendente de índios americanos a ir ao espaço.

Herrington nasceu no estado de Oklahoma e cresceu em Colorado Springs, Colorado, onde se graduou em Matemática aplicada na universidade estadual, antes de entrar para a Marinha em 1984. Serviu na região do Pacífico até ser qualificado como piloto de testes, sendo selecionado para o cobiçado curso de astronauta da NASA em 1996.

Herrington foi ao espaço em 24 de novembro de 2002 como especialista de missão no ônibus espacial Endeavour, STS-113, para uma missão de quatorze dias em órbita. Além de sua cidadania americana ele também é, por parte da avó materna, um membro registrado e atuante da nação indígena Chickasaw. Herrington levou ao espaço a bandeira oficial de sua tribo, a qual lhe foi entregue pelo governador de sua nação indígena.

Em setembro de 2005, Harrington deixou a NASA para assumir cargo de diretoria em empresas privadas da área aeroespacial e ainda atua como piloto de testes da nave espacial sub-orbital XP, projeto futurista em desenvolvimento na indústria.

  1. a b «Astronaut Biography: John Herrington». 25 de agosto de 2018. Consultado em 4 de maio de 2021 
  2. «John Herrington - EVA experience». Consultado em 4 de maio de 2021