Junichi Inamoto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Junichi Inamoto
Junichi Inamoto.jpg
Informações pessoais
Nome completo Junichi Inamoto
Data de nasc. 18 de setembro de 1979 (41 anos)
Local de nasc. Kagoshima, Japão
Altura 1,81 m
Informações profissionais
Clube atual Sagamihara
Número 6
Posição Volante
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1997–2004
2001–2002
2002–2004
2004–2006
2004–2005
2006–2007
2007–2009
2010
2010–2014
2015–2018
2019–
Gamba Osaka
Arsenal (emp.)
Fulham (emp.)
West Bromwich
Cardiff City (emp.)
Galatasaray
Eintracht Frankfurt (emp.)
Rennes
Kawasaki Frontale
Consadole Sapporo
Sagamihara
0118 000(16)
0004 0000(0)
0056 0000(9)
0032 0000(1)
0015 0000(0)
0030 0000(1)
0044 0000(0)
0005 0000(0)
0130 0000(3)
0054 0000(1)
0009 0000(1)
Seleção nacional3
1995
1998–1999
1998–2000
2000–2010
Japão Sub-17
Japão Sub-20
Japão Sub-23
Japão
0003 0000(0)
0011 0000(4)
0015 0000(5)
0082 0000(5)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 1 de dezembro de 2019.
3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 10 de abril de 2018.

Junichi Inamoto (Kagoshima, 18 de setembro de 1979) é um futebolista japonês que atua como volante. Atualmente joga no Sagamihara.

Jogador leve, rápido e habilidoso, foi considerado nos anos 2000 um grande destaque da Seleção Japonesa. Atua como segundo volante, cria as jogadas e chuta muito bem de longa distância. Também pode jogar como meia armador, já que possui uma boa técnica. É um jogador que possui bom drible, mas destaca-se como bom marcador.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Gamba Osaka[editar | editar código-fonte]

Inamoto começou a jogar profissionalmente pelo Gamba Osaka quando estava em seu último ano do colegial, em 1998. Conquistou alguns títulos individuais e destacou-se por ser um volante que saía jogando bem e tinha ótima técnica.

Arsenal[editar | editar código-fonte]

Em julho de 2001 foi emprestado ao Arsenal, tendo até hoje o título de uma das mais caras transferências do futebol japonês.[1] No entanto, não teve muito sucesso em conquistar a titularidade na equipe, sendo preterido por Patrick Vieira e Ray Parlour. Sua estreia aconteceu em novembro de 2001, pela Copa da Liga, numa vitória por 2 a 0 sobre o Grimsby Town. Assim, foi negociado com o Fulham no ano seguinte.

Fulham[editar | editar código-fonte]

Chegou ao Fulham emprestado pelo Gamba Osaka e imediatamente conquistou a titularidade absoluta da equipe londrina. Fez vários gols importantes, dentre eles o tento que fechou a vitória por 3 a 1 sobre o Manchester United em pleno Old Trafford. Também marcou um gol importantíssimo na final da Copa da Inglaterra, contra o Everton. Foi descrito por Barry Davies como "um pêssego japonês", mas depois de um tempo fraturou a tíbia num amistoso pela Seleção Japonesa e voltou para o Gamba Osaka para recuperar-se.

West Bromwitch Albion[editar | editar código-fonte]

Em meados de 2004, foi contratado pelo West Browmwitch por 200 mil libras, sendo o principal jogador da equipe. Porém, com a troca de técnico, foi afastado e emprestado ao Cardiff City na temporada 2004–05.

Empréstimo ao Cardiff City[editar | editar código-fonte]

Teve boas atuações, ajudando a equipe a manter uma boa regularidade. Com isso retornou aos Baggies.

Retorno ao West Bromwitch[editar | editar código-fonte]

Jogou muito bem, marcando, inclusive, o gol da classificação na Copa da Inglaterra em um chute de 35 metros de distância contra seu ex-clube, o Fulham. Manteve a boa fase e foi convocado para a Seleção Japonesa pelo técnico Zico para a Copa do Mundo de 2006, sendo inclusive o último jogador do Albion a jogar uma Copa do Mundo nos últimos 20 anos.

Galatasaray[editar | editar código-fonte]

Em agosto de 2006 transferiu-se para o Galatasaray, onde rapidamente tornou-se o principal jogador da equipe. Marcou um golaço contra o Bordeaux na Liga dos Campeões, porém não pôde evitar a derrota por 3 a 1 e a eliminação da equipe na fase de grupos.

Eintracht Frankfurt[editar | editar código-fonte]

Chegou à equipe alemã em maio de 2007, com um contrato de dois anos e plenos direitos. Manteve uma boa regularidade e foi peça importante para a campanha da temporada 2007–08.

Seleção Japonesa[editar | editar código-fonte]

No meio de vários jogadores talentosos da era Zico, entre várias ascensões, sua principal e mais marcante conquista foi ser um dos destaques da incrível campanha na Copa das Confederações de 2001 e sendo a primeira equipe a se classificar para a Copa do Mundo de 2006.

Principais convocações[editar | editar código-fonte]

Títulos[editar | editar código-fonte]

Clubes[editar | editar código-fonte]

Fulham

Consodale Sapporo

Seleção Japonesa[editar | editar código-fonte]

Individuais[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Leandro Stein (19 de dezembro de 2019). «Com a chegada de Minamino, relembre a história do primeiro japonês a atuar na Premier League: Junichi Inamoto». Trivela. Consultado em 20 de dezembro de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]