Láribo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Láribo
Alorbos • Lorbeus
Al-Arbus • Al-Urbus
Localização atual
País  Tunísia
Província Le Kef
Dados históricos
Fundação Antiguidade

Láribo (também: Alorbos[1], Lorbeus, Al-Arbus ou Al-Urbus) é o nome da antiga Colônia Élia Augusta Lares, que está situada na província de Kef, na atual Tunísia. Inicialmente, esteve localizada na estrada romana que ligava as cidades de Cartago e Teveste (atual Tébessa, Argélia), entre Sica Venéria (Le Kef) e Zama.[2] Nesta estrada, os romanos instalaram 20 estações, com Láribo localizada na milha romana 117.[3] Na Idade Média, foi uma cidade produtora de trigo e cevada. Estava a 20 km de outra cidade antiga, Obba, um centro de cultura do açafrão comparável ao da Espanha.[4] Era uma cidadela de 250 metros de comprimento por 200 metros de largura e contém muitos edifícios, paredes grossas de 2,5 metros subindo a uma altura de 8 metros.[5][6]

Foi nesta cidade que o patrício bizantino João Troglita refugiou-se em 544 para reconstruir o exército bizantino destruído na batalha de Cílio (atual Kasserine), na qual o general Salomão pereceu.[7] No mesmo ano a cidade foi sitiada por mouros revoltosos, e o cerco só foi levantado quando foi-lhes paga a soma de 3 000 soldos.[8] Láribo caiu para o exército xiita de Ubayd Allah al-Mahdi,[9][10] por ocasião da derrota do exército aglábida durante a batalha história de 18 de março de 909.

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Al-Bakri (1859). William Mac Guckin de Slane, ed. «Description de l'Afrique septentrionale». Paris: Société asiatique. Journal asiatique. XIII 
  • Diehl, Charles (1896). L'Afrique byzantine : histoire de la domination byzantine en Afrique (533-709). Paris: Ernest Leroux 
  • Benson, Edward (2005). Cyprian: His Life, His Times, His Work. Whitefish: Kessinger Publishing 
  • Espérandieu, Émile (1884). Épigraphie des environs du Kef (Tunisie) : inscriptions recueillies en 1882-1883. Paris: Honoré Champion 
  • Goyau, Georges (1893). «La Numidia Militiana de la liste de Vérone». Mélanges d'archéologie et d'histoire. 13 (13) 
  • Ibn Khaldun (1852). William Mac Guckin de Slane, ed. «Histoire des Berbères et des dynasties musulmanes de l'Afrique septentrionale». Argel: Imprensa do Governo. I 
  • Martindale, John R.; Jones, Arnold Hugh Martin; Morris, John (1992). The Prosopography of the Later Roman Empire - Volume III, AD 527–641. Cambridge e Nova Iorque: Cambridge University Press. ISBN 0-521-20160-8 
  • Mohamed-Sahnoun, Djaffar (2006). Les Chi'ites : contribution à l'étude de l'histoire du chi'isme des origines à l'époque contemporaine. Paris: Publibook 
  • Muhammad al-Idrisi; Reinhart Dozy; Michael Jan de Goeje (1866). Description de l'Afrique et de l'Espagne. Leyde: Brill