Lionel Charbonnier

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Charbonnier
Charbonnier
Informações pessoais
Nome completo Lionel André Michel Charbonnier
Data de nasc. 25 de outubro de 1966 (53 anos)
Local de nasc. Poitiers,  França
Altura 1,81 m
Clubes de juventude
1986-1987 Auxerre
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1987-1998
1998-2001
2001-2002
França Auxerre
Escócia Rangers
Suíça Lausanne-Sports
0126 0000(0)
0018 0000(0)
0000 0000(0)
Seleção nacional
1997-1998 França França 0001 0000(0)

Lionel André Michel Charbonnier (Poitiers, 25 de outubro de 1966) é um ex-futebolista e treinador de futebol francês. Atuava como goleiro[1].

Carreira em clubes[editar | editar código-fonte]

Charbonnier começou a atuar profissionalmente no Auxerre, quando tinha apenas 16 anos. Tornou-se titular em 1993, alternando a titularidade com o veterano Bruno Martini, após boa atuação no jogo contra o Borussia Dortmund pela Copa da UEFA (hoje, Liga Europa).

Jogou pelo Auxerre até 1998, quando se transferiu para o Rangers. Falhou, contudo, em ganhar a vaga contra o titularíssimo Stefan Klos e o finlandês Antti Niemi (reserva imediato do alemão). Saiu do clube escocês em 2001 para o Lausanne-Sports, seu último clube. Aposentou-se em 2002, sem ter feito uma única partida ao serviço do LS.

Carreira como treinador[editar | editar código-fonte]

Com a carreira de jogador encerrada, Charbonnier começou sua carreira de treinador com o pequeno Stade Poitevin, equipe de sua cidade natal, para posteriormente treinar outro "nanico", o FC Sens, clube que revelou Bacary Sagna. Seu trabalho à frente dos alviazulinos fez Charbonnier ser convidado a trabalhar como diretor da Seleção do Taiti.

Desde o final de 2010, o ex-goleiro comanda o Aceh United, clube que disputa o Campeonato de Futebol da Indonésia.

Carreira na Seleção[editar | editar código-fonte]

Lionel disputou a Copa de 1998, como terceiro goleiro. Não jogou sequer um jogo na competição, tendo disputado um único jogo pela seleção, contra a Itália, em 11 de junho de 1997. Ainda assim, recebeu a Légion d'honneur junto com todo o grupo campeão em 98.

Referências

  1. «Perfil de Charbonnier». Consultado em 23 de maio de 2011. Arquivado do original em 17 de julho de 2010