Netinho (Os Incríveis)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Luiz Franco Thomaz)
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta biografia de uma pessoa viva não cita as suas fontes ou referências, o que compromete sua credibilidade. (desde outubro de 2012)
Ajude a melhorar este artigo providenciando fontes confiáveis e independentes. Material controverso sobre pessoas vivas sem apoio de fontes confiáveis e verificáveis deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Netinho
Informação geral
Nome completo Luiz Franco Thomaz
Também conhecido(a) como Netinho
Nascimento 5 de abril de 1946 (71 anos)
Origem Itariri-São Paulo
País  Brasil
Gênero(s) MPB, Jovem Guarda, rock
Instrumento(s) bateria
Afiliação(ões) Os Incríveis, Casa das Máquinas, Joelho de Porco, Rita Pavone.
Página oficial InterNetinho

Netinho (nome artístico de Luiz Franco Thomaz; Santos, 5 de abril de 1946), é um músico brasileiro, famoso por ter sido o baterista do conjunto Os Incríveis.

História[editar | editar código-fonte]

Netinho mudou-se para São Paulo em 1960 e entrou para a banda The Clevers, banda que em 1963 daria origem ao Os Incríveis. Ao seu lado: Mingovocal e guitarra / Risonhoguitarra / ManitoSax e NenoBaixo (substituído por Nenê em 1965).

Os Incríveis transformou-se em um dos conjunto mais famosos do Brasil, na mesma época dos Beatles e Rolling Stones.

Em 1963, viajou pela Europa acompanhando a cantora Rita Pavone, com quem Netinho manteve um badalado e polêmico romance. 1965 - Os Incríveis retornou ao Brasil para participar no programa Jovem Guarda com Roberto Carlos, Erasmo Carlos e Wanderléa pela TV Record. Em seguida foi contratado para comandar o programa Os Incríveis pela TV Excelsior. Em 1966 filmou na Europa o filme longa metragem “Os Incríveis Neste Mundo Louco”, onde conheceu sua esposa.

De volta ao Brasil a canção Era um Garoto Que, Como Eu, Amava os Beatles e os Rolling Stones estava fazendo sucesso nacional. Em 1967, o conjunto era líder de audiência na TV Tupi com “Vendedor de Bananas” de Jorge Benjor. 1968 - Viajou para o Japão. Apresentou dezenas de shows e gravou em japonês as músicas “Kokorononiji”, “I Love Tokio” e “Sayonara”.

Em 1970 chegou no topo da parada brasileira com a música “Eu Te Amo Meu Brasil”.

1972 - o grupo se separou.

Netinho montou o Casa das Máquinas, com três LPs pela Som Livre. Os maiores sucessos: “Vou Morar no Ar” e “Casa de Rock”. Em 1980 Netinho criou um selo independente, gravando 2 LPs solo, projeto Amor e Caridade volume 1 e 2.

Netinho, ao lado de Eduardo Araújo, produziu o show Novo de Novo, comemorando 30 anos de Jovem Guarda, com a participação de Wanderléa, Ronnie Von, Golden Boys, Silvinha, Eduardo Araújo, Os Incríveis, Bobby di Carlo, Martinha e Leno e Lílian, superlotou quatro semanas na casa de show Tom Brasil em São Paulo. O Projeto foi gravado ao vivo em 2 CDs.

Gravou com a nova formação dos Incríveis um CD ao vivo em 2001 no teatro Polytheama de São Paulo, lançado em janeiro/2002 pela Warner / Continental, produzido por Netinho e Sandro Haick, seu filho, multi-instrumentista, compositor e produtor.

Netinho gravou e produziu um CD para o Centro de Apoio às Crianças Carentes com Câncer, com a participação de mais de 40 artistas.

Discografia[editar | editar código-fonte]

Wikitext.svg
Esta página ou seção precisa ser wikificada (desde outubro de 2012).
Por favor ajude a formatar esta página de acordo com as diretrizes estabelecidas.
Ano Gravadora Álbum Formato
1965 Continental Os Incríveis Compacto
1965 Continental Os Incríveis Compacto
1966 Continental Os Incríveis LP
1966 Continental Os Incríveis Compacto
1967 Continental Os Incríveis Neste Mundo Louco LP
1967 Continental Os Incríveis Compacto
1967 RCA Os Incríveis Neste Mundo Louco Compacto
1967 Continental Os Incríveis Compacto
1967 RCA Para os Jovens que Amam os Beatles, os Rolling Stones e Os Incríveis LP
1967 RCA Os Incríveis Compacto
1968 RCA Os Incríveis Compacto
1968 RCA Os Incríveis Compacto
1968 RCA Os Incríveis Compacto
1968 RCA Os Incríveis Compacto
1968 RCA Os Incríveis Internacionais LP
1968 RCA Os Incríveis no Japão Compacto
1969 RCA Os Incríveis Compacto
1969 RCA Os Incríveis Compacto
1969 RCA Os Incríveis LP
1970 RCA Os Incríveis Compacto
1970 RCA Os Incríveis Compacto
1970 RCA Os Incríveis Compacto
1970 RCA Os Incríveis (em Espanhol) Compacto
1970 RCA Os Incríveis Compacto
1970 RCA Os Incríveis LP
1970 RCA Os Incríveis (Promocional) Compacto
1970 RCA Os Incríveis Compacto
1971 RCA Os Incríveis Compacto
1971 RCA Os Incríveis Compacto
1971 RCA Os Incríveis LP
1971 RCA Os Incríveis (Promocional) Compacto
1972 RCA Os Incríveis Compacto
1973 RCA Os Incríveis Compacto
1973 RCA Os Incríveis Compacto
1974 RCA Os Incríveis Compacto
1975 RCA Os Incríveis Compacto
1975 RCA Isso é a Felicidade LP
1975 RCA Os Incríveis Compacto
1975 RCA Os Incríveis Compacto
1975 RCA Os Incríveis Compacto
1976 RCA Os Incríveis Compacto
1976 RCA Os Incríveis Compacto
1976 RCA Os Incríveis Compacto
1977 RCA Os Incríveis Compacto
1977 RCA Os Incríveis Compacto
1978 RCA Os Incríveis Compacto
1979 RCA Os Sucessos da parada LP
1979 RCA Os Incríveis Compacto
1979 RCA Os Incríveis Compacto
1981 RCA Os Incríveis LP
1982 RCA Os Incríveis Compacto
1974 Som Livre Casa das Maquinas LP
1975 Som Livre Casa das Maquinas LP
1976 Som Livre Casa das Maquinas, Casa do Rock LP
1980 RCA Projeto Amor e Caridade (Apartamento 97) LP
1982 Independente Projeto Amor e Caridade vol 2 LP
1996 Paradoxx Novo de Novo , Jovem guarda ao Vivo Vol 1 e 2 LP
2000 UNAMUS Deus Abençoe as Crianças LP
2001 Warner Music Os Incríveis Ao Vivo LP
2005 Phanton Originals Para Todo Mundo Ouvir - Ao Vivo DVD

Integrantes das bandas[editar | editar código-fonte]

Os Incríveis (atual)[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]