Marquinhos Paraná

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Marquinhos Paraná
Marquinhos Paraná
Informações pessoais
Nome completo Antônio Marcos da Silva Filho
Data de nasc. 20 de julho de 1977 (42 anos)
Local de nasc. Recife, (PE), Brasil
Nacionalidade brasileiro
Altura 1,74 m
Destro
Apelido Marquinhos Paraná
Informações profissionais
Clube atual Sem clube
Posição Ex-volante
Clubes de juventude
1995-1996 Santa Cruz
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1994-1995
1996-1997
1998-2001
1999
2002
2002
2003
2004
2005-2006
2007
2008–2011
2012
2012
2013–2016
Operário
Paraná
CRB
Santa Cruz (emp.)
Figueirense
Chunnam
Marília
Avaí
Figueirense
Jubilo Iwata
Cruzeiro
Sport
América Mineiro
Ventforet Kofu






0009 0000(1)
0025 0000(2)
0076 0000(4)
0028 0000(2)
0232 0000(4)
0008 0000(1)
0014 0000(0)
0097 0000(0)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 6 de dezembro de 2014.

Antônio Marcos da Silva Filho (Recife, 20 de julho de 1977), mais conhecido como Marquinhos Paraná, é um ex-futebolista brasileiro que atuou em várias posições no campo, como zagueiro, volante, ex-meia e ex-lateral.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Iniciou sua carreira nas divisões de base do Santa Cruz. Porém, se profissionalizou pelo Paraná Clube em 1996. De lá, seguiu para o CRB, de Maceió, em março de 1998, por indicação do então treinador Roberval Davino. No primeiro semestre de 1999 foi emprestado ao Santa Cruz, e voltando ao CRB ainda no mesmo ano, quando passou a atuar como lateral-direito sob o comando do treinador Ernesto Paulo. Nos anos seguintes (2000 e início de 2001), passou a ser mais utilizado como volante. Seguiu no CRB, e entre 2001 e 2002 passou a atuar na lateral-direita, novamente sob o comando de Roberval Davino. Fez parte do grupo que conquistou o Campeonato Alagoano daquela temporada.

Em 2002, o Figueirense, de Santa Catarina, o contratou para tentar evitar o tricampeonato do Joinville. Considerado o melhor jogador do Campeonato[carece de fontes?], logo foi negociado com o futebol coreano.

Em 2003, voltou ao futebol brasileiro, para jogar no Marília, do interior de São Paulo, quando passou por sua primeira cirurgia.

Em 2004, voltou ao futebol catarinense. O algoz de outrora agora iria defender a camisa do Avaí. O clube quase garantiu o acesso para a Série A do Campeonato Brasileiro, quando perdeu a vaga na última rodada para Brasiliense e Fortaleza.

Voltou, em 2005, ao Figueirense. O então treinador do São Paulo, Muricy Ramalho, que já o conhecia dos tempos em que treinou clubes pelo Nordeste e Marquinhos atuava pelo o CRB, o qualificou como o melhor meio-campo em atividade no Brasil.[carece de fontes?] Em 2006, foi eleito o craque do Campeonato Catarinense de 2006.[1]

No ano seguinte seguiu com o treinador para Jubilo Iwata, do Japão. Mais uma vez se destacou por sua versatilidade, liderança e qualidade técnica.

O Cruzeiro, em 2008, o contratou por indicação do treinador Adílson Baptista. Logo nos 15 primeiros minutos de seu primeiro jogo, Marquinhos foi vaiado pela exigente torcida do Cruzeiro. Mas minutos depois fez o cruzamento para o primeiro gol e foi bastante aplaudido.[2][3] Passou quatro anos no time celeste, onde foi Tricampeão Mineiro e vice-campeão da Copa Libertadores. Conquistou grande carinho e respeito da nação azul por sua regularidade e empenho nos jogos.

Em 2012 acertou com o Sport.[4] No entanto, ao meio da temporada o jogador pediu para ser dispensado e a diretoria do clube atendeu a seu pedido.[5]

Acertou, com o Ventforet Kofu, do Japão.

Títulos[editar | editar código-fonte]

CRB
Cruzeiro

Referências

  1. «Marquinhos Paraná é eleito o craque do campeonato». FutebolSC. 13 de abril de 2006. Consultado em 27 de julho de 2012 [ligação inativa]
  2. «Técnico Adilson critica torcida do Cruzeiro por vaias». Terra. 13 de março de 2008. Consultado em 26 de julho de 2012 [ligação inativa]
  3. Hott, Daniel (20 de julho de 2011). «Marquinhos Paraná, o 'vinho' da Toca da Raposa». Lance!. Consultado em 26 de julho de 2012 
  4. Meio-campo Marquinhos Paraná é o mais novo reforço do Sport
  5. de Castro, Elton (23 de julho de 2012). «Volante Marquinhos Paraná pede dispensa e está fora do Sport». GloboEsporte.com. Consultado em 26 de julho de 2012 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de BrasilSoccer icon Este artigo sobre um futebolista brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.