Movimento Nacional Socialista (Estados Unidos)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Movimento Nacional Socialista
National Socialist Movement
Líder Burt Colucci
Fundação 1974
Sede Detroit, Michigan
Ideologia Neonazismo
Neofascismo
Nacionalismo branco
Terceira posição
Antissemitismo
Homofobia
Islamofobia
Supremacia branca
Xenofobia
Espectro político Extrema-direita[1]
Afiliação internacional União Mundial dos Nacionais Socialistas
Cores Preto
Página oficial
http://www.nsm88.org

Política dos Estados Unidos
Partidos políticos
Eleições

O Movimento Nacional Socialista (em inglês: National Socialist Movement, ou somente NSM) é um partido político neonazista operando nos Estados Unidos e ao redor do mundo. O grupo foi fundado em 1974 como o Movimento Nacional Socialista dos Trabalhadores Americanos para a Liberdade Nacional por Robert Brannen e Cliff Herrington, ex-membros do Partido Nazista Americano antes de seu declínio. O presidente do partido é Jeff Schoep, que ocupou essa posição desde 1994. O grupo afirma ser a maior e mais ativa organização nacional-socialista nos Estados Unidos. Embora às vezes classificado como um grupo de ódio, ele se refere a si mesmo como uma "organização branca dos direitos civis." Cada estado tem membros em grupos menores dentro de áreas conhecidas como "regiões". O partido tem encontros nacionais e encontros regionais menores. Dizem boatos de que esse é o partido que contém mais conexões com grupos supremacistas brancos de extrema-direita, como a Ku Klux Klan.

Referências

  1. Holthouse, David (19 de abril de 2006). «Nationalist Socialist Movement Building a Juggernaut». Southern Poverty Law Center. Consultado em 12 de novembro de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre os Estados Unidos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.