Nelson Parraguez

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Parraguez
Informações pessoais
Nome completo Nelson Rodrigo Parraguez Riveros
Data de nasc. 5 de abril de 1971 (48 anos)
Local de nasc. Santiago,  Chile
Altura 1,83 m
Apelido Piri
Informações profissionais
Clube atual Aposentado
Posição Meio-campista
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1989-2000
2001
2002
2003
2003-2004
Universidad Católica
Necaxa
Universidad Católica
Nueva Chicago
Universidad Católica
0? (?)
13 (0)
10 (0)
13 (0)
24 (0)
Seleção nacional
1991-2001 Flag of Chile.svg Chile 52 0(0)

Nelson Rodrigo Parraguez Riveros (Santiago do Chile, 5 de abril de 1971), é um ex-jogador de futebol chileno que se retirou em 2004, jogando pela Universidad Católica, equipe onde se destacou.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Estudou no colégio San Juán Evangelista de Las Condes, onde começou sua paixão pelo futebol, ao que mais tarde o levaria a jogar em divisões de base da Universidad Católica, onde conheceu um de seus grandes amigos, Raimundo Tupper. Com a Católica, conseguiu quatro títulos: Copa Chile 1991 e 1995, Apertura 1997 e a ‎Copa Interamericana de 1994. Além do mais, ele integrou na equipe vice-campeã da Copa Libertadores de 1993, e ganhou a Pré-Libertadores nos anos de 1989, 1991, 1992, 1994, 1995, 1996 e 1998.

No ano 2000 se transfere para o Necaxa do México onde jogou duas temporadas com regulares resultados, razão pelo qual voltou para a Universidad Católica. No ano seguinte, mais uma vez se transfere, desta vez para o time do Nueva Chicago (clueb de divisões inferiores da Argentina), que na época, disputava a Primeira Divisão, ao pedido pelo técnico e ex-companheiro Néstor Gorosito. Finalmente retorna ao clube de seus amores, onde em 2004 pendurou as chuteiras como ídolo indiscutível.

Seleção Chilena[editar | editar código-fonte]

Pela Seleção Chilena, Parraguez jogou 52 partidas e esteve presente na Copa do Mundo de 1998, disputado na França jogando com o número 7, jogou os 90 minutos das três partidas da primeira fase (Contra Itália, Áustria e Camarões) já no ultimo duelo, contra o Brasil, esteve suspenso por cartões amarelos[1].[2]

Atualidade[editar | editar código-fonte]

Atualmente se desempenha como diretor esportivo da Universidad Católica.

Referências

  1. {{cite web|url=http://www.rsssf.com/miscellaneous/chil-recintlp.html%7Ctitle=[ligação inativa] Chile - recordistas de jogos}
  2. «Elenco CHL'99». Consultado em 20 de janeiro de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]