Neoaetosauroides

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaNeoaetosauroides
Ocorrência: Triássico Superior
Neoaetosauroides.

Neoaetosauroides.
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: reptilia
Ordem: Aetosauria
Família: Stagonolepididae
Subfamília: Aetosaurinae
Género: Neoaetosauroides
Bonaparte, 1969
Espécies

Neoaetosauroides é um género extinto de aetossauro primitivo. A Espécie-tipo que define o género é o Neoaetosauroides engaeus. Fósseis foram encontrados na Formação Los Colorados afloramento ao longo da Rio da Morada da Serra em La Rioja, Argentina, e remontam ao período Noriano do final do Triássico. Foi o primeiro aetossauro conhecido na formação, com restos que foram descobertos na década de sessenta.[1] [2] [3]

Descrição[editar | editar código-fonte]

Diagrama mostrando as osteodermas do Neoaetosauroides com sua terminologia.

O género é um dos mais bem representados aetossauros da América do Sul, com alguns exemplares encontrados totalmente articulados. Duas fileiras de osteodermas dorsais paramedianas percorrem de cada lado da coluna vertebral. Osteodermas ventrais também estavam presentes. Ao contrário da maioria dos aetossauros, o quarto dedo era mais longo do que o segundo e terceiro. Além disso, o número de falanges no quinto dígito era menor do que nos outros aetossauros.[4] A coluna de dentes superior dos Neoaetosauroides percorre anteriormente à ponta do focinho alongado, prova de que é incompatível com a idéia de um bico queratinoso proposto para os aetossauros [5] .

Notas e referências

  1. Bonaparte, J. F. (1969). Los tetrápodos triásicos de Argentina. 1º International Symposium of Gondwana (Mar del Plata, 1967):307-325.
  2. Bonaparte, J. F. (1971). Los tetrápodos del sector superior de la Formación Los Colorados, La Rioja, Argentina (Triásico Superior). Opera Lilloana 22:87-102.
  3. Bonaparte, J. F. (1978). El Mesozoico de América del Sur y sus tetrápodos. Opera Lilloana, 26, 596 pp.
  4. Desojo, J. B. and Báez, A. M. (2005). El esqueleto postcraneano de Neoaetosauroides (Archosauria: Aetosauria) del Triásico Superior del centro-oeste de Argentina. Ameghiniana 42(1):115-126.
  5. Desojo, J. B. and Báez, A. M. (2007). Cranial morphology of the Late Triassic South American archosaur Neoaetosauroides engaeus: evidence for aetosaurian diversity. Palaeontology 50(1):267-276.