Ordem do Mérito do Trabalho

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

BRA Ordem do Mérito do Trabalho.png
Barreta

A Ordem do Mérito do Trabalho é uma condecoração criada pelo Decreto Nº 28.527 de 22 de agosto de 1950 e modificada pelos Decretos Nº 57.278 de 17 de novembro de 1965 e Nº 62.682 de 10 de março de 1968.[1] Tem por finalidade a premiar a empregadores, empregados, servidores públicos e personalidades nacionais e estrangeiras que, por suas atividades nos campos do trabalho, produção e do bem estar social, especialmente em pról da produtividade, da organização sindical, do justo salário, da colocação de mão de obra, da formação profissional, da higiene, da segurança do trabalho e da previdência social se hajam tornado merecedores do reconhecimento nacional. Esta ordem possui anexa a medalha do Mérito da Segurança do Trabalho.

Características[editar | editar código-fonte]

A insígnia é constituída de uma Cruz de Malta com braços iguais em esmalte vermelho. Anverso: Um disco de ouro em destaque com a simbologia do trabalho circundado pelo listel com a legenda Ordem do Mérito do Trabalho, em letras ouro sobre campo verde. Reverso: Mesmo do anverso com a legenda em quatro linhas Ministério do Trabalho e da Previdência Social.

Graus[editar | editar código-fonte]

  • Grã-cruz
  • Grande Oficial
  • Comendador
  • Oficial
  • Cavaleiro

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]