Orlando City Soccer Club

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Orlando City
OrlandoCity SC logo.png
Nome Orlando City Soccer Club
Alcunhas The Lions
Mascote Kingston (Leão)
Fundação 04 de março de 2010 (12 anos)
Estádio Exploria Stadium
Capacidade 25.500 pessoas
Localização Orlando, Flórida
Proprietário(a) Família Wilf
Presidente Zygi Wilf (majoritário)
Treinador(a) Óscar Pareja
Patrocinador(a) Etihad Airways
Material (d)esportivo Adidas
Competição Major League Soccer
Website [1]
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
Times ativos do Orlando City SC
Football pictogram.svg Football pictogram.svg Football pictogram.svg
MLS USL NWSL

Orlando City Soccer Club, também conhecido como Orlando City SC ou Orlando City é um clube de futebol profissional com sede em Orlando, Flórida, que compete como membro da Conferência Leste na Major League Soccer (MLS). Em 2013, o clube foi comprado pelo empresário brasileiro Flávio Augusto da Silva. O Orlando City foi anunciado em 19 de novembro de 2013 como vigésima primeira franquia da liga. Entrou na MLS em 2015, ao lado do New York City. A equipe joga em Orlando City Stadium, no centro de Orlando.

História[editar | editar código-fonte]

Orlando City SC (2010–14)[editar | editar código-fonte]

O clube foi formado em março de 2010, após o empresário Flavio Augusto da Silva comprar os direitos da vaga na USL, que estava desocupada após a extinção do Austin Aztex FC. O Orlando City estreou no futebol profissional na temporada 2011 da USL, em um jogo contra o Richmond Kickers. Sua primeira partida dentro de casa foi contra o F.C. New York. Nessa temporada, o Orlando City foi campeão da USL pela primeira vez, após dois empates contra o Harrisburg City Islanders.

Em 2012, o clube foi eliminado nas semifinais para o Wilmington Hammerheads após uma derrota por 4x3. Em 2013 terminou em segundo da temporada regular. Nos playoffs bateu o Pittsburgh Riverhounds e o Charleston Battery. Na final venceu no somatório por 7x4 o Charlotte Eagles e foi bicampeão da USL.

Ainda no ano de 2013, o clube teve seu pedido de entrada no Major League Soccer aprovado, se juntando à mesma em 2015.[1][2][3]

Em 2014, o clube disputou a sua última participação na USL. Sua vaga na competição foi repassada para o Louisville City.[4]

Orlando City SC (2014–Atual)[editar | editar código-fonte]

O clube estreou na Major League Soccer em 2015, juntamente com o New York City FC. Seu primeiro jogo na liga foi justamente contra o New York City FC, em um jogo com um público de 62.510. O jogo teminou 1x1.[5] Em sua temporada inaugural, o clube não conseguiu se classificar para os playoffs, coisa que voltou a se repetir em 2016.

Venda[editar | editar código-fonte]

Em 2021 o empresário Flávio Augusto anunciou a venda do Orlando City Soccer Club Para a família Wilf, que já é dona da franquia de Futebol Americano Minnesota Vikings.O valor da venda foi estipulado em aproximadamente US$ 400 milhões (R$ 2,1 bilhões).

Títulos[editar | editar código-fonte]

Nacionais
Competição Títulos Temporadas
🇺🇸 U.S. Open Cup 1 2022
🇺🇲 United Soccer League 2 2011, 2013,
🇺🇲 Commissioner's Cup 2 2011, 2012

Referências

  1. «MLS awards Orlando new franchise». msn.foxsports.com. Associated Press. 19 de novembro de 2013. Consultado em 20 de novembro de 2013 
  2. Wiebe, Andrew (19 de novembro de 2013). «Orlando City SC fans, owners see years of hard work bear fruit, but promise there's plenty more to come». mlssoccer.com. Major League Soccer. Consultado em 20 de novembro de 2013 
  3. Simmons, Roger (19 de novembro de 2013). «It's official: Orlando City Lions are joining Major League Soccer». Orlando Sentinel. Consultado em 20 de novembro de 2013 
  4. «ORLANDO CITY ANNOUNCES SALE OF USL PRO FRANCHISE RIGHTS TO LOUISVILLE». OrlandoCitySoccer.com. Orlando City SC. Consultado em 5 de junho de 2014 
  5. Cunningham, Sam (8 de março de 2015). «Orlando City 1–1 New York City: Kaka scores last gasp equaliser to deny David Villa victory as superstars make MLS debut». Daily Mail. Consultado em 9 de março de 2015 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]