Pequena Polônia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
A Pequena Polônia durante o período de entre-guerras (Segunda República), 1921- 17 de setembro de 1939.
Pequena Polônia- província da República das Duas Nações, durante o período de sua extensão máxima, 1635.
Vista da "cidade velha" em Cracóvia, Polônia.

Pequena Polônia (português brasileiro) ou Pequena Polónia (português europeu) (polonês: Małopolska, latim: Polonia Minor) é uma região histórica da Polônia. Forma a maior parte sul do país. Não deve ser confundida com a voivodia da Pequena Polônia, que é apenas uma parte da região histórica da Pequena Polônia.

Geografia[editar | editar código-fonte]

A Pequena Polônia abrange o leito superior do rio Vístula e uma grande parte do planalto polonês, incluindo as Montanhas de Santa Cruz, o Vale de Sandomierz e os planaltos da Pequena Polônia e da região de Lublin. Ela estende-se desde os Cárpatos no sul dos rios Pilica e Wieprz em direção ao norte da Polônia. Faz limite com a região da Mazóvia e Terra de Radom ao norte, com a região da Silésia à oeste e com a Ucrânia (Rutênia Vermelha) à leste. Historicamente, até a Segunda Guerra Mundial a região incluía também grande parte da atual Ucrânia (veja Galícia).

  • Província da Pequena Polônia:

A Província da Pequena Polônia (prowincja małopolska) que consiste da Pequena Polônia propriamente dita, Podláquia, Rutênia Vermelha, Volínia, Podolia, Ucrânia, e a voivodia de Czernihów; capital: Cracóvia

Administrativamente, a área histórica está dividida entre as voivodias da Pequena Polônia, Subcarpácia, Santa Cruz, Lublin, e parte oriental da vizinha Alta Silésia, e parte sul da Mazóvia e Łódź.

Principais cidades[editar | editar código-fonte]

As maiores cidades da região são:

bem como:

História[editar | editar código-fonte]

Cracóvia em um desenho de 1493.

Turismo[editar | editar código-fonte]

Parque Nacional de Pieniny, na Pequena Polônia.

A capital histórica da Pequena Polônia - Cracóvia é considerada por muitos a capital cultural da Polônia. Em 1978, a UNESCO colocou Cracóvia na lista de Patrimônio Mundial. A arquitetura em madeira (principalmente a das igrejas) da Pequena Polônia faz parte também desta lista assim como a Mina de Sal de Wieliczka localizada nos arredores de Cracóvia. Os seguintes parques nacionais estão localizados na Pequena Polônia:

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.