Quantas Voltas Dá Meu Mundo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
"Quantas Voltas Dá Meu Mundo"
Canção de Djavan
do álbum A Voz, O Violão, A Música de Djavan
Lançamento 1976
Gênero(s) MPB, folk, regional
Duração 03:33
Gravadora(s) Somlivre
Letra Djavan
Composição Djavan
Produção Guto Graça Mello, Aloysio de Oliveira, Victor
Faixas de A Voz, O Violão, A Música de Djavan
"E Que Deus Ajude"
(5)
"Maria das Mercedes"
(7)

Quantas Voltas Dá Meu Mundo é uma canção composta pelo músico e cantor alagoano Djavan para seu álbum de estreia e de estúdio lançado em 1976: "Djavan" [1].

Na letra da canção, Djavan expressa opiniões sobre diversos assuntos: "Rede de malha jangada de vela içada no ar/Quem não se arrisca não joga a isca/Atividade no mar/Quantas voltas dá meu mundo {...} Sei lá Chega domingo ninguém na igreja não tem oração/Tudo que é santo vive de encanto/Acorde a fé irmão/Quantas voltas dá meu mundo/Sei lá..." [2].

Letra e interpretação mais compassada em relação a outras do álbum, porém de interpretação e harmônia complexa, dentre as canções do álbum, essa é uma que no violão usa mais notas adicionais, como E(add9) e D(add9).

Covers[editar | editar código-fonte]

Assim como outras canções do álbum de estreia de Djavan, existem covers amadores que circulam pela internet, de músicos e grupos musiciais pequenos como de Conrado Pêra e Freddy Simões & Marlos Menezes.

Ficha Técnica [3][editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Cópia arquivada». Consultado em 22 de janeiro de 2010. Arquivado do original em 23 de janeiro de 2010 
  2. Letra da Canção
  3. «Ficha Técnica no Site Oficial do cantor 3/10/2010». Consultado em 3 de outubro de 2010. Arquivado do original em 5 de janeiro de 2011