Rónald González

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Rónald González
Informações pessoais
Nome completo Rónald Alfonso González Brenes
Data de nasc. 8 de agosto de 1970 (47 anos)
Local de nasc. San José, Costa Rica
Altura 1,81 m
Informações profissionais
Posição Treinador (Ex-Defensor)
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1988–1990
1990
1991
1991
1991-1998
1998-2001
2001-2006
Costa Rica Saprissa
Croácia Dínamo de Zagreb
Áustria Sturm Graz
Áustria Vorwärts Steyr (emp.)
Costa Rica Saprissa
Guatemala Comunicaciones
Costa Rica Saprissa
Seleção nacional
1989
1990-2000
Costa Rica Costa Rica (sub-20)
Flag of Costa Rica (state).svg Costa Rica
65 (5)
Times/Equipas que treinou
2008–2011
2010–2011
2011–2012
2013–2014
2016
Costa Rica Costa Rica (sub-20)
Flag of Costa Rica (state).svg Costa Rica (interino)
Guatemala Comunicaciones
Costa Rica Saprissa
Costa Rica Uruguay de Coronado

Rónald Alfonso González Brenes, mais conhecido como Rónald González (San José, 8 de agosto de 1970) é um ex-futebolista e treinador de futebol costarriquenho que atuava como defensor.

Carreira em clubes[editar | editar código-fonte]

Iniciou sua carreira em 1988, no Saprissa, clube onde jogaria até 1990, ano em que teve uma curta passagem pelo Dínamo de Zagreb (cinco jogos).

Em 1991, passou rapidamente por Sturm Graz e Vorwärts Steyr, sem ter sucesso. No mesmo ano, regressou ao Saprissa, ficando na equipe até 1998, quando transferiu-se para o Comunicaciones.

No clube guatemalteco, González obteve relativo destaque, conquistando três títulos antes de retornar pela terceira vez ao Saprissa, onde encerrou a carreira de jogador em 2006.

Carreira de treinador[editar | editar código-fonte]

Logo após colocar ponto final em sua carreira de atleta, González permaneceu no Saprissa, agora como auxiliar-técnico, trabalhando em tal função durante três anos.

Desde 2008, é treinador da Seleção Sub-20 da Costa Rica, levando os Ticos às edições de 2009 e 2011 do Campeonato Mundial de Futebol Sub-20. Paralelamente ao trabalho na Seleção Sub-20, comandou o Comunicaciones, time onde havia jogado por três temporadas, na temporada 2011-12.

Ainda em 2012, acertou seu retorno ao Saprissa, desta vez como treinador da agremiação.

Seleção[editar | editar código-fonte]

González defendeu a Seleção Costarriquenha por uma década (1990-2000), jogando 65 partidas e marcando cinco gols[1].

Participou da Copa de 1990, realizada na Itália, sendo o jogador mais jovem da competição (19 anos e 307 dias). Esteve presente ainda na Copa Ouro da CONCACAF de 1991 e de duas edições da Copa América (1997 e 2001), sendo que foi surpreendentemente convocado para esta última, quando ele havia anunciado sua despedida da Seleção, um ano antes.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]