Rio Lourenço Velho

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Rio Lourenço Velho
Trecho do rio Lourenço Velho, próximo à sede do distrito homônimo
Nascente Serra da Mantiqueira
Foz rio Sapucaí
País(es)  Brasil

O rio Lourenço Velho é um curso de água que pertence à bacia do Paraná. É afluente do rio Sapucaí que, por sua vez, é afluente do rio Grande, um dos formadores do rio Paraná.

Nasce na serra da Mantiqueira, entre as cidades de Virgínia e Passa Quatro. Passa pelos municípios de Virgínia, Marmelópolis, Itajubá, Maria da Fé e São José do Alegre. Sua foz no rio Sapucaí é marco do encontro da divisão territorial entre Itajubá, São José do Alegre e Piranguinho.

No distrito de Lourenço Velho, no bairro da Cachoeira Grande, está localizada a Usina Hidrelétrica Luiz Dias, construída em 1914, operando com dois geradores.[1] Nessa Usina, pertencente à CEMIG, funcionou durante os últimos anos, em convênio entre a CEMIG, a Universidade Federal de Itajubá e o Ministério de Minas e Energia, o Parque de Alternativas Energéticas para o Desenvolvimento Auto-Sustentável (PAEDA). Porém o convênio findou-se em 2009, sendo o PAEDA desativado, mas ainda continua a Usina em operação.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. TIAGO, B.L.; CASTRO, H.E.R (2011). Usina Luiz Dias. 95 anos de história e desenvolvimento. São Lourenço: Novo Mundo. p. 23 
Ícone de esboço Este artigo sobre hidrografia do Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.